Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
TRIBUTO AO BUSSUNDA

Alo seu Bussunda, que pena... nos deixou
nos deixou aqui com esses malucos da mutreta..
fazendo essa loucura do Casseta e Planeta..

Percebi que continuam sem os pés e cabeças,
doidões, vendendo as costelas e não dando recibo,
matando do coração alguns da terceira idade..
graça, desgraça, loura, louraça, lourosa...

Esses meninos são os melhores da praça
agora com você
os representando no céu o équio
é sempre muito mais chíquio..

Saudades Bussunda, cara hilariante,
agora, longe...longe.... bem distante...
Saudade permanente !!!!

Ai meu brother....
Não deixe no céu a piada morrer,
conte para São Pedro uma pilhéria bem jocosa,
chalaças, chistes, com ou sem graça..mas nunca de graça...
Conte aquela cara.. aquela ...para nunca esquecer de você..
Porque, aqui o coração bate com vontade de  sorrir e ouvir 
você seu peso pesado, super dos super, mas tudo bom,
tudo bem, fica a saudade do cara supra sumo....amém...
Kulayb
Enviado por Kulayb em 01/09/2007
Reeditado em 08/11/2008
Código do texto: T633620

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Kulayb
Goiânia - Goiás - Brasil, 61 anos
1155 textos (55871 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/10/17 08:55)
Kulayb