Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

AH...QUE SAUDADE...DO RIO ....DE OUTRORA

   AH QUE SAUDADE QUE EU TENHO DO RIO DE OUTRORA
  MULHERES DE LUVA E CHAPÉU...HOMENS DE BENGALA
  CRIANÇAS BEM EDUCADAS...E JOVENS LETRADOS
  AH QUE SAUDADE...DAS RUAS BEM LIMPAS
  DAQUELE LINDO  BOM DIA...DO VIZINHO TÃO CORTES
  DO APITO DO TREM
  OU DO SILÊNCIO....DA RUA
  QUE GUARDAVA EM POUCOS VEÍCULOS...A CARA DA CALMARIA
  QUE PENA...QUE A CIDADE AMONTOOU SE EM LIXOS
  NO MEIO DE TANTOS RICOS...INSANOS E IMORAIS.
  QUE SAUDADE, DAS DONZELAS, E PÃO QUENTINHO
  DO LEITE  VINDO NA PORTA
  E DO ARMARINHO
  DA CORNETA
  DO SARAU
  DO VERDADEIRO CARNAVAL
  DE CONFETE E  SERPENTINA
  DA NOITADA...DA GALERA..
  E DO PAI E DA MÃE.
Valéria Guerra
Enviado por Valéria Guerra em 01/09/2007
Código do texto: T634064
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Valéria Guerra
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
3380 textos (114730 leituras)
196 áudios (9295 audições)
3 e-livros (174 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/08/17 12:04)
Valéria Guerra