Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Pequenina .
Encravada em um vale de emoções.Matozinhos,cidade menina onde nasci.
De lá vieram meus ascendentes de perto:Nina,Esáu,Serise Sétimo,que geraram nossos pais ,nossa mina.Pedaço de terra,onde minha infância querida de peito aberto levantava bem cedinho para comer goiabas orvalhadas ,chupar jabuticabas  pretinhas geladinhas. e....sair a caçar passarinhos com Manoelzinho.

Armar arapucas para juritis e rolinhas na paciência .Guerras de mamonas em montanha de terra ...Vê Ronaldinho se me erra?Carioca ,matosinhense por afinidades, ribimba no estilingue,pra  lá  de bão no jogo de botão.Fazia misérias com seu acordeon.
Onde   anda? Maria ,Carlos Alberto meus irmão queridos que viveram comigo a infância de casinhas de bambu..guizados de flores,boizinhos de          manga,fritadas de rolinhas,sonhos infindos do JUBILEU ,com seus ioiôs,bolinhas de gude..e balões coloridos.

E os jogos de bolinha de gude Maria  e Carlito! às 6 horas  da manhã?A algazarra,a  empolgação    quando  com pontaria certeira espalhavam bolinhas de um triângulo  pelo chão......

Às 6:30 da manhã íamos para a casa de Dindinha ,prêta Maria ,bondosa(escrava menina)que jamais nos negou um pedacinho de bolo ou pão.Apesar da oposição ferrenha pela sua cor e condição santa de escrava ..jamais  nos  deixou  ao  léu   .Espero Dindinha que estejas no céu.

As 7hs  íamos comprar pão  na estação(bairro),lembra?E o barro Maria na época de chuvas?.Pão quentinho de D.Hermelta,catita..voz  mansa  bondosa......mãezona de uma geração que lhe deve emoções e o pão nosso de cada  dia.

Anjinho    Baratinha  Altamir das  peladas no campo  municipal ....palco de gritarias chutes e empolgação total.Onde estarão?

Carlos Alberto de cabelos cor de graúna,bom de pontaria ,de bola e que cêdo o destino  partiria a sua mente.Porque você sòmente?
Maria da Conceição,mais austera  de poucas falas ,voz mansa ,carácter pontiagudo.
Minha mãe passava apêrtos com ela ,com o famoso chá de Bico,por encalhe  com  jabuticabas verdes....uma verdadeira correria.....Porque o  tempo passou meus irmãos?

Éramos felizes em nossa insignificância.A Matriz  do Bom Jesus palco dos nossos  encontros...quantas emoções... ali passamos..Um abraço de saudade padre Arnaldo; holandes que da Europa no apogeu cultural  se embrenhou naquele cantinho chamada matozinhos.

Marcelo,Luiz Cláudio ,joão,quantas horas  passáva-mos jogando (Bente -alta,)cantando jogadas já com voz de adolescentes ,quebrando casinhas de bambu de noitinha  sob a luz de Chico Portugues!Correria de ilusão infinda;despreocupada......  Terapia  holistica  que  nos livrou do Divã hoje.

Éramos felizes na nossa   maneira  simples,singela.. comunhão profunda de amizades.Onde posso encontrá-los?

Natal  oh ! quantas recordações felizes,de coração,do fundo da alma .........  de  menino de pés  descalços.
A disputa era ferrenha para levar os vasos do presépio  da  Matriz.
Fazia os meus presépios e os fiz até 16 anos,com panos feitos de anil,farinha de trigo e esmeril.O Senhor menino resplandecia nas grutas feitas por mim .Tinha  fé ..e pedia melhores dias para meus pais e esperanças mil..
 
Ainda me lembro das cabacinhas cheirosas ,musgos,e samambaias,buscadas   de matas distantes, e a imagem do menino jesus (doado pela minha vó Nina).

Era colocado pela minha mãe a meia noite de 24 de dezembro ,precedida por preces para toda a família. O Galo da meia noite era colocado por mim saudando o Rei Menino que iria nascer.

Tenho muitas saudades desta época  ..de bem estar na alma ..de homeostase com Deus,e com os Homens de Boa Vontade .

Porque?...Porque?....passou tão depressa minha infância querida.....

Rubens



Rubens Oliveira
Enviado por Rubens Oliveira em 12/10/2007
Reeditado em 04/06/2008
Código do texto: T691370

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (www.rubensjoseoliveira.recantodasletras.com.br). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Rubens Oliveira
Belo Horizonte - Minas Gerais - Brasil
195 textos (19163 leituras)
17 áudios (2699 audições)
21 e-livros (1394 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/10/17 06:42)
Rubens Oliveira