Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

(VIII) MEDITAÇÕES EM ESTER - 1. O PROPÓSITO IMUTAVEL DE DEUS.

1. O PROPÓSITO IMUTÁVEL DE DEUS.
ESTER 1 \ Gênesis 1:26-28 \ Apocalipse 21:3.

“POREI ÁGUAS NO DESERTO, E RIOS NO ERMO, PARA DAR DE BEBER AO MEU POVO, AO MEU ESCOLHIDO, AO POVO QUE FORMEI PARA MIM, PARA CELEBRAR O MEU LOUVOR”      ISAIAS 43: 20-21.

     Sabemos que a vontade eterna de Deus é ganhar um grupo de pessoas, formar um homem corporativo. Essa vontade está registrada no inicio do livro de Gênesis, e está confirmada no decorrer de toda a Bíblia. Quando chegamos ao Novo Testamento, a época em que vivemos, percebemos que o homem corporativo é a Igreja. Contudo, antes de obter a Igreja, Deus obteve primeiramente, o povo de Israel. No Velho Testamento, para que Deus obtivesse Israel como seu povo foi necessário um longo processo.
     Na verdade o desejo de Deus sempre foi estabelecer o seu reino aqui na terra. Esse desejo não foi realizado na época dos patriarcas devido as quatro grandes quedas da humanidade, que se uniu completamente ao pecado. Deus, então, chamou um homem, Abraão, para fazer dele e com ele uma nova raça, cujos descendentes cumpririam a economia divina. A descendência terrena refere-se ao povo de Israel. A descendência celestial refere-se à igreja. [Gênesis 22:17]. A descendência terrena tornou-se a nação de Israel, que por fim ficou resumida ao reino de Judá. A intenção de Deus era que o reino de Judá fosse o reino de Deus na Terra. Os livros de Josué, Juizes e Rute mostram como surgiu o reino de Israel. Os livros de Samuel, de Reis e de Crônicas relatam a história do povo de Israel desde o início do reino até seu término. O reino de Israel abandonou completamente a Deus. Foi levado cativo e espalhado entre as nações. O reino de Judá, embora tenha permanecido em Jerusalém, pouco a pouco foi contaminado pela idolatria e maldade de seus reis. O resultado foi o cativeiro, a destruição de Jerusalém, do templo e dos muros da cidade.
     Mas, Aleluia! Porque a história não termina aqui. Temos a seguir os livros de Esdras, Neemias e Ester, que tratam da volta do cativeiro, da restauração do templo, da cidade e dos muros.
     Nós, o povo de Deus no Brasil nesta era do Novo Testamento, só podemos louvar ao nosso Deus por seu propósito imutável. Deus nunca muda. Diante das derrotas e infidelidades do seu povo, Ele sempre proporciona o tratamento adequado para conduzir os que são seus ao arrependimento. Por isto amado povo de Deus no Brasil: arrependa-se! Volte a ter comunhão com todos os seus irmãos, busque unidade com todos e que a unidade seja principalmente de ação, de atos feitos em amor, amor de Deus.
     Esse tratamento consiste de disciplina, iluminação, cura e libertação. Não fuja disto, aceite a correção. Pois, quando o Espírito for liberado através de você, Ele suprira necessidades de nossa amada comunidade no Brasil. (refiro-me ao povo de Deus que está em todas as denominações).

A próxima meditação é: “ESDRAS E NEEMIAS”

By PR VALDECI DO NASCIMENTO OLIVEIRA.
I IGREJA METODISTA ORTODOXA EM ARRAIAL DO CABO.

Valdezz
Enviado por Valdezz em 07/03/2006
Reeditado em 15/09/2010
Código do texto: T119867

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Valdezz
Arraial do Cabo - Rio de Janeiro - Brasil, 63 anos
159 textos (14673 leituras)
2 e-livros (35 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 08:53)
Valdezz