Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Pródigo

Pai
Estou aqui, prostrado
Sei que pequei, que não sou digno
Do seu amor, do seu perdão
 
Achego-me a tua presença
Envergonhado
Através do sangue derramado
Coloco-me aos seus pés
 
Vivifica-me
Ressuscita-me o espírito
Troca as minhas vestes
Mesmo banhado em lágrimas
Lágrimas de amor
 
Acalma-me a alma
Mata-me a sede
Coloca em mim um anel
Selas o meu coração.
 
Selas meu coração
Atas meu coração
Ao teu coração
 
E assim, num mesmo compasso
Seu coração, meu coração
Sinto teu coração, meu coração.

(26.03.2006)
Sheila Campos
Enviado por Sheila Campos em 28/03/2006
Reeditado em 31/03/2006
Código do texto: T130016
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Sheila Campos
Taubaté - São Paulo - Brasil, 39 anos
19 textos (2674 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 08:21)
Sheila Campos