Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

NA VERDADE ESTE HOMEM ERA FILHO DE DEUS (Domingo de Ramos)

Chegamos a Semana Santa. Jesus entra em Jerusalém e é aclamado pelo povo como Rei, mas um rei um tanto diferente daqueles que se estava acostumado a ver e a ter.
A surpresa que Jesus traz causou confusão a muita gente. Os judeus esperavam um rei que os libertasse com mão forte, com guerras, massacrando os outros povos que tinham por inimigos. Porém, Jesus veio inaugurar uma nova forma de reinado onde a palavra mais forte e mais importante não é  a guerra, mas sim o amor. Onde o gesto maior não é a ganância, o acúmulo de riquezas, mas a caridade fraterna. O trono de Jesus foi um jumentinho (cf. Mc 11, 1-10) e não um trono de riquezas e esplendor. A coroa foi de espinhos e não de ouro e pedras preciosas. A lei maior é o amor à Deus sobre todas coisas e ao próximo como a si mesmo. (cf. Mc 12, 28-34). No mundo atual é o ter pelo prazer.
Todos esses fatos levaram muitos a desacreditar em Jesus. Acredito que as pessoas estavam iludidas, e muitos ainda hoje estão, pensando que o que move o mundo é o ódio, o desejo de vingança, o poder do homem e das armas. Jesus mostra que o que é mais forte é o amor, e este comove e toca as pessoas de modo diferente, transformando definitivamente suas vidas. As armas destroem, o amor edifica. Quem vive no amor, vive em Deus. Não se pode falar de Deus se não falamos de amor.
Os mestres da Lei, zombavam quando viram Jesus na cruz e diziam: “A outros salvou,  a si mesmo não pode salvar (...) desça da cruz, para que vejamos e acreditemos.” (Mc 15, 31b-32). Eles não sabiam o que diziam. Jesus estava na cruz não porque era o seu fim, mas estava lá para salvar a todos, pois foi para isso que Ele veio. Será que se Jesus teria descido da cruz eles realmente teriam acreditado? E nós?
Mas um fato ainda maior que este acontecerá. Jesus não desce da cruz conforme eles queriam para crer, mas ressuscita, vencendo a morte e fazendo da cruz um sinal de salvação. Quem acreditou em Jesus?
Depois de tudo o que aconteceu enquanto Jesus estava na cruz, um oficial, que provavelmente havia assistido a muitas outras crucificações, disse: “Na verdade, este homem era Filho de Deus.” (Mc 15,39). Ele reconheceu que Deus estava com Jesus e que diferente dos outros, em vez de amaldiçoar os que o haviam crucificado, Jesus perdoa-os e se entrega confiante ao Pai. Jesus sabia que tudo isso era preciso acontecer para que acreditassem em Deus e para que todos fôssemos salvos.
Felizes dos que, como o oficial, acreditaram em Jesus. A terra estremece, o céu se abala, anjos, santos, fiéis choram. Um fato nunca visto antes aconteceu: Um Deus morrendo por nós, pelo seus. Tudo pela loucura do amor, de ter-nos novamente com Ele.
Conforme meditamos durante a Quaresma, chegou o nosso momento de morrer para o pecado. É preciso ter coragem e ir com Jesus para o Calvário e suportar a dor que nos liberta dos pecados que ferem o coração de Jesus. Não o podemos negar se queremos a salvação. Quem com Cristo morre, com Ele terá a alegria de ressuscitar para a vida eterna.

ORAÇÃO:
Senhor Jesus. Ajuda-me a propagar por este mundo o teu Reino de justiça, paz, amor, fraternidade. Que eu aprenda de Ti, Senhor, a sempre perdoar e a querer bem a todos(as). Que eu aprenda Senhor, que a guerra não é a melhor forma de fazer justiça, mas sim o amor.
Jesus, manso e humilde de coração, faze o meu coração semelhante ao Teu. Que eu sinta o que Tu sentes, que eu ame o que Tu ames. Que eu perdoe como Tu perdoas. Que eu pense o que Tu pensas.
Fica comigo Senhor. Caminha comigo Jesus neste caminho rumo ao Calvário e à ressurreição para a vida eterna ao teu lado.
AMÉM!

Hermes José Novakoski
Reeditado dia 31/03/2007. Para Domingo de Ramos.
Hermes José Novakoski
Enviado por Hermes José Novakoski em 07/04/2006
Reeditado em 31/03/2007
Código do texto: T135201
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Hermes José Novakoski
Marituba - Pará - Brasil, 35 anos
478 textos (375816 leituras)
1 áudios (83 audições)
2 e-livros (440 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 12:51)
Hermes José Novakoski