Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

LAVOU OS PÉS DOS DISCÍPULOS (Quinta - feira Santa)

          Estamos diante de uma cena muito forte do Evangelho e da vida de Jesus. O Mestre, Jesus, Deus, abaixa-se para lavar os pés dos discípulos. Ele poderia ter todos os reinos sob seus pés, todas as riquezas, todo o poder. Mas não. Ele deixa tudo para se fazer um servo, “O Cordeiro de Deus. Aquele que tira o pecado do mundo.” (Jo 1,29). Assim João Batista anuncia Jesus.
          O Evangelho desta Quinta-feira Santa (Jo 13, 1-15) começa dizendo que Jesus “tendo amado os seus (...) amou-os até o fim” (Jo 13, 1b). E assim o fez. Morreu por nós na cruz.
          O que víamos na época de Jesus e ainda hoje são formas de poder e opressão. Talvez os mais aplaudidos são os que mais oprimem. Estamos acostumados com poderes de opressão. Ainda não aprendemos e não sabemos viver o Reino que Jesus anunciou e viveu: Reino de Amor, da Doação, do Serviço, da Partilha, da promoção e defesa da VIDA: "Escolhe, pois a vida" (CF 2008).
          As guerras, injustiças, mortes confirmam que não aprendemos de Jesus e somos duros de coração. A violência gera mais violência. A morte gera mais morte.
          A vida nem sempre é promovida, cuidada como merece e precisa. Violentamos as pessoas e a natureza; consequentemente, violentamos a nós mesmos. Vivendo o amor, a justiça, a partilha, o mundo é melhor, com menos tristezas, dor, ódio, desejo de vingança.
          Meditamos no Domingo de Ramos que o Reino que Jesus trouxe não foi o que muitos esperavam. Ele veio anunciar que o maior é aquele que serve.
          Amar, servir, partilhar, ajudar não diminui a pessoa, mas a torna mais nobre ainda. Muitos vivem isso, outros tantos, não. Para nós, aquele que oprimi, manda com “mão de ferro” e mata, parece ser o maior. Para Deus não.
          Lemos o Evangelho, mas não vivemos o que ele diz, ensina e pede. Por quê essa contradição? Talvez porque não deixamos Cristo de fato fazer morada em nosso coração, como Ele deseja e fez nas pessoas que apostaram suas vidas no Reino.

          Ao lavar os pés dos discípulos, Jesus disse: “Compreendeis o que acabo de fazer? Vós me chamais Mestre e Senhor, e dizeis bem, pois EU O SOU. Portanto, se eu, o Senhor e Mestre, vos lavei os pés, também vós deveis lavar os pés uns dos outros. Dei-vos o exemplo, para que façais a mesma coisa que eu fiz”. (Jo 13, 15).
          Acredito que é este tipo de líderes, sacerdotes, presidentes das nações, pais, filhos, amigos, irmãos, religiosos que nós devemos ser. Se assim formos, o mundo será diferente. Se o próprio Deus fez isso, por que nós não podemos fazer? Jesus fez este gesto mostrando que tal gesto não diminui a pessoa. Por fazer isso Ele não deixou (deixa) de ser Deus. Por que ainda não fazemos assim?
          Que Jesus tenha piedade de nós.
          Que saibamos promover a vida em todas as suas etapas, pois ela é Dom de Deus.

                                     ORAÇÃO

          Senhor Jesus! Ensina-me a me abaixar para servir aos meus irmãos. Ensina-me Jesus, que o serviço ao próximo não é humilhação, mas caridade. Ensina-me Senhor, que o lavar os pés dos irmãos é um gesto nobre e não um gesto de escravo.
          Senhor! Perdoa minha falta de fé na tua Palavra, no teu jeito de amar as pessoas. Perdoa Senhor meu comodismo, vaidade, preguiça, falta de disponibilidade.
          Jesus! Coloco-me em tuas mãos para que tu vá modelando-me para que eu seja mais semelhante a Ti.
          AMÉM.

Ir. Hermes José Novakoski

Reeditado em 20/03/2008 - Quinta-feira Santa.
Hermes José Novakoski
Enviado por Hermes José Novakoski em 09/04/2006
Reeditado em 20/03/2008
Código do texto: T136407
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Hermes José Novakoski
Marituba - Pará - Brasil, 35 anos
477 textos (375433 leituras)
1 áudios (83 audições)
2 e-livros (440 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 23:13)
Hermes José Novakoski