Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

No dia de hoje

  Hoje acordei mais tarde que de costume e não me sinto muito legal. Uma preguiça, lentidão, sonolência. Acho que não estou neste mundo, neste dia. Você já passou por isso? Acho que já havia acontecido comigo, mas não havia percebido. Sentei-me para o café da manhã e não comi. Fui ao banheiro,não fiz xixi, nem tomei banho. Olhei no espelho e dei um sorrisinho bobo e não lavei o rosto. Nada me apetece, nada me estimula. Voltei para a cama, peguei um livro, folhei umas páginas e não li absolutamente nada. Virei-me, liguei a televisão e logo em seguida desliguei. Parece que estou morta, sem sentidos quaisquer.
  A cama cansou-me, então levantei-me, novamente pra recomeçar o dia. Tomei um banho demorado e ainda com os cabelos escorrendo água, tomei café. Peguei o livro que havia deixado na cabeçeira da cama e começei a ler.
  por alguns instantes, fiquei imaginando que a vida é sempre assim: um eterno recomeçar, todos os dias. Então, veio-me à mente que coisas simples querem nos dizer muito. Desse modo busquei uma leitura mais apropriada: O Evangelho segundo o Espiritismo, no capítulo XXVIII número 28, que diz:
" É necessário não considerarmos como felizes apenas os acontecimentos importantes, pois os que parecem insignificantes são freqüentemente os que mais influenciam no nosso destino. O homem esquece facilmente o bem, e se lembra mais do que lhe aflige. Se diariamente anotássemos os benefícios que recebemos, sem pedir, ficaríamos muitas vezes admirados de haver recebido tanta coisa que nos esquecemos, e nos sentiríamos humilhados pela nossa ingratidão. Cada noite, elevando nossa alma a Deus, devemos recordar intimamente os favores que Ele nos concedeu durante o dia, e agradecê-los. É sobretudo no momento em que experimentamos os benefícios de sua bondade e da sua proteção, que espontaneamente, devemos testemunhar-lhe a nossa gratidão. Basta para isso um pensamento que lhe atribua o benefício, sem necessidades de interromper o trabalho. Os favores de Deus não consistem apenas em benefícios materiais. devemos igualmente agradecer-lhe as boas idéias, as inspirações felizes que nos são dadas. enquanto o orgulhoso tudo atribui aos seus próprios méritos, e o incrédulo ao acaso, o homem de fé rende graças a Deus e aos Bons Espíritos pelo que recebeu. Para isso, são inúteis as longas frases. "Obrigado, meu deus, pelo bom pensamento que me inspiraste!", diz mais do que muitas palavras. O impulso espontâneo que nos faz atribuir a Deus tudo o que nos acontece de bom, é o testemunho natural de um hábito de reconhecimento e de humildade, que nos atrai a simpatia dos Bons Espíritos. (Cap. XXVII, ns 7 e 8) ".
  Depois dessa leitura, senti-me de volta à vida. Retomei meu dia e meus afazeres, entendendo que precisava antes de outra coisa, render graças por tudo de bom que me acontece, inclusive essa "dormência" deste dia.
- Obrigada, Meu Deus, pela oportunidade de refletir nesse dia, sobre tudo isso!
NENINHA ROCHA
Enviado por NENINHA ROCHA em 06/06/2006
Reeditado em 07/06/2006
Código do texto: T170377
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
NENINHA ROCHA
Guarapuava - Paraná - Brasil, 56 anos
310 textos (10915 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 08:29)
NENINHA ROCHA