Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Livro de Jó, para aqueles que não conhecem Deus 

     A bíblia é um conjunto de vários livros sagrados, tanto aqueles que fazem parte do antigo testamento – livros escritos antes da vinda de Jesus – como os que fazem parte do novo testamento – escritos após sua vinda incluindo os evangelhos. 

     Pois bem, na bíblia encontramos livros que nos chama atenção tantos que compõe esta biblioteca. O que me faz muito refletir a existência de Deus é o livro de Jó, que está no antigo testamento. Um romance escrito há vários séculos antes de Jesus, que nos encanta pela preciosidade da literatura e de verdades de Fé. 

     O livro inicia a partir de um questionamento do Diabo com Deus, que em síntese quer trazer a seguinte mensagem;  é fácil ser uma pessoa que se diz amar a Deus e viver com seu Santo nome na boca quando tudo está bem,quando o saldo está gordo no banco. Quando os filhos estão encaminhados. Quando tudo que faz só traz felicidade. 

     E assim inicia o livro, marrando que havia um servo de Deus, uma pessoa que sempre vivia rendendo graças a Ele com oferendas. Um homem que era agraciado por Deus pela sua vida de santidade. 

     O demônio num dialogo com Deus pede lhe dê a oportunidade de fazer Jó passar pela provação, pelo sofrimento insinuando que Jó seria completamente diferente, isto é, blasfemaria contra Ele ( Deus ) se revoltando. Diante a prepotência do demônio, Deus permite ele agir, pois tinha certeza que Jó não se entregaria a ação do mal. Em suma, um coração quando é de Deus, mesmo diante o sofrimento não o afasta da graça. 

     De posse da autoridade dada por Deus, o demônio começou seu trabalho e destruiu a vida de Jó tirando-lhe todos seus bens, todos seus familiares, adoencendo-o. Enfim, fez tudo que poderia se fazer para destruí-lo e assim Jó blasfemar contra Deus. Porem, mesmo com tanta desgraça ele mantem firme em não negar o criador, embora como homem tivesse suas fraquezas em não entender o que lhe estava acontecendo. 

     Jó, embora não negando Deus, se sente injustiçado por ter sido tão fiel e de repente estar passando por aquele sofrimento, perdendo tudo e todos. Acreditava que Deus estava sendo injusto e assim, se aprofunda numa suplica de murmuria, lamentações e se achando o dono da verdade. 

     Três de seus amigos vendo seu estado lhe procuram, e assim, inicia um grande dialogo e debate entre ele seus amigos. Seus amigos tentam fazer compreender que se algo de mal estava acontecendo não foi pela falha de Deus e que Jó aceitasse os mistérios de Deus. Embora, ocorressem vários diálogos Jó mantém-se firme no propósito que Deus foi injusto com ele. 

     Jó diante a sua dificuldade de entender o mistério de Deus, num tom de arrogância pensa entender os mistérios da vida e da morte até que Deus intervém fazendo tantos questionamentos, lhe pedindo as respostas que ele se cala, se arrepende ficando maravilhado com a intervenção de Deus se volta dizendo (42, 5-6 ) eu te conhecia só por ouvir dizer;mas agora meus próprios olhos te vêem. Por isso, eu me retrato e me arrependo sobre o pó e a cinza. 

     Esta é a síntese, um resumo do livro que certamente todos aqueles que lerem com os olhos da Fé, terão todas as duvidas sanadas quanto à existência ou não de Deus. Todos aqueles que passam pela tribulação seja qual for, vai entender que Deus está acima delas e que Seu amor é incondicional. Todos aqueles que despojarem da leitura deste livro com Fé, perceberão a existência de Deus nas coisas mais simples da vida, pois jamais encontraremos as respostas para entender o sincronismo da vida e da perfeita engrenagem do cosmos.
Ataíde Lemos
Enviado por Ataíde Lemos em 25/06/2006
Reeditado em 10/11/2007
Código do texto: T182068
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre o autor
Ataíde Lemos
Ouro Fino - Minas Gerais - Brasil, 51 anos
5266 textos (1219557 leituras)
5 e-livros (11756 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 04:26)
Ataíde Lemos

Site do Escritor