Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

PERSEVERE NA SITUAÇÃO EM QUE FOI CHAMADO

"IRMÃOS, CADA UM PERMANEÇA DIANTE DE DEUS NAQUILO EM QUE FOI CHAMADO"...(1 Co. 7:24.)


Se o conselho do apóstolo Paulo é: Pernanece onde estás, não quer isto dizer que tudo deva ficar como está. Na verdade, as coisas velhas são assim profundamente transformadas. Pois o fermento do Evangelho tem este efeito maravilhoso: Na aparência, fica tudo como estava, mas de dentro para fora, tudo é transformado.É o que quer dizer a frase paradoxal: o escravo vem a ser livre (em CRISTO), e o livre, o escravo (de CRISTO).
A libertação dos escravos efetuava-se muitas vezes pelo resgate. Esta idéia, embora não expressamente formulada, induz Paulo a empregar um termo novo, válido tanto para os livres como para os escravos. Uns e outros foram comprados por "ALTO PREÇO". ( 1 Co. 6:20). Paulo tem em mente a auto-entrega de CRISTO. Cuidem, uns e outros de não se desposarem dessa liberdade. Voltaria a ser escravo dos homens que esquecesse a liberdade e soberania adquirida em CRISTO, ao deparar com discriminações sociais, ou nacionais, ou outras de que natureza fosse, e as levasse novamente tão a sério como antes. Que valha para nós o que tem valor diante de DEUS!
Neste contexto, aparece, pela terceira vez, o mesmo princípio, mas agora em resumo final ou seja: Persevere cada um na situação em que foi chamado. Precisamos supor aqui a responsabilidade de cumprir o que nos foi ordenado acerca de não ficarmos descontentes com o que temos, buscando modificar desordenadamente a nossa posição, sem importar se isso envolve a nossa situação de escravos ou de homens livres; e essa suposição deve ser feita porque essa é a atitude correta que devemos ter, em face de nossas novas relações com DEUS. Não seguimos o conselho de Paulo simplesmente porque esse apóstolo falou, mas porque, em suas palavras, há um reflexo da vontade divina. Esse é um ponto central em toda a existência humana, porquanto nenhum ser humano poderá retornar a DEUS e cumprir seu elevadíssimo destino, se não aprender primero a distinguir, a respeitar e a seguir a vontade de DEUS em todos os aspectos de sua vida diária.
De fato, nossas circunstâncias externas se devem à providência divina, aos ditames da vontade de DEUS; pelo que também cumpre-nos aceitá-las como medidas através das quais o Senhor nos instrui. Quando permanecemos firmemente na posição em que Ele nos cololcou, ao mesmo tempo permanecemos firmente dentro da vontade de DEUS.
A escravatura humana, visto que faz homens escravos de outros homens, no sentido mais literal, não pode partir a comunhão e o vínculo do cristão com DEUS. Quando aceitamos nossas circunstâncias externas, podemos fortalecer ainda mais a nossa intimidade com o Senhor, porquanto então somos encontrados em obediência à vontade de DEUS, sem a qual obediência à comunhão se torna totalmente impossível.
As palavras "...DIANTE DE DEUS..."(1 Co.7:24), não representam uma tradução literal. Essa tradução mais literal seria mais ou menos algo como: ...em qualquer estado em que cada qual foi chamado, que permaneça com DEUS. Pois caso o cristão permaneça no estado em que foi chamado, encontrará DEUS a seu lado. Porém, se quiser fugir de sua situação através de um desejo desordenado pela modificação, estará abandonando ao Senhor. Certamente, Paulo era da opinião que é melhor para o cristão ser um escravo, ou estar debaixo de qualquer outra circunstância adversa, mas estar com DEUS, do que procurar fugir do plano divino para a sua vida, o que só serviria para retirá-lo da presença do Senhor. Essa expressão vívida merece nossa detida relfexão.
PERMANECER COM DEUS, SIGNIFICA:
- Manter comunhão constante.
- Permanecer na vontade de DEUS.
- Estar provido de toda a ajuda divina necessária, para que o cristão possa completar com êxisto a missão que lhe foi dadada por DEUS.
- Que as autoridades humanas e as circunstâncias externas não nos podem causar dano, a despeito de quão adversas essas coisas ou essas pessoas se mostrarem contra nós.
- Que nosso apego deve ser às coisas celestiais, e não às coisas terrenas. E isso soluciona muitíssimos problemas difíceis, contanto que haja constância e veracidade.

"PORTANTO, SE FOSTES RESSUSCITADOS JUNTAMENTE COM CRISTO, BUSCAIS AS COISAS LÁ DO ALTO, ONDE CRISTO VIVE, ASSENTADO Á DIREITA DE DEUS. PENSAI NAS COISAS LÁ DO ALTO, NÃO NAS QUE SÃO AQUI NA TERRA".
(Col. 3: 1-2).

FONTES:
Bíblia Sagrada
Livros: N.T.Interpretado - Primeira epísto aos Coríntios.
Wilson de Oliveira Carvalho






















Wil
Enviado por Wil em 31/08/2006
Reeditado em 31/08/2006
Código do texto: T229421
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Wil
São Paulo - São Paulo - Brasil, 81 anos
2613 textos (84510 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 10:32)
Wil