CapaCadastroTextosÁudiosAutoresMuralEscrivaninhaAjuda



Texto

A ETERNIDADE



O que Deus tem preparado para os crentes:

Paulo nos disse em 1 Coríntios 2:9:

"Mas, como está escrito:As coisas que o olho não viu, e o ouvido não ouviu,e não subiram ao coração do homem, são [todas] as [coisas] que Deus preparou (fez e as deixou prontas) para os que o amam [que são aqueles que O mantêm em profunda reverência em amor, obedecendo-O prontamente e, com ações de graça, reconhecendo os benefícios que Ele os deu por honra]."
Se é que teríamos condições de descrever tudo isso, diríamos que se trata de uma felicidade eterna. Alguns autores definem a Eternidade como um momento infindável de felicidade. Mas não é somente um momento, mas sim um local físico de infindável felicidade. Haverá, então, uma dissolução dos céus e terra atuais no final do Milênio, conforme apontam as escrituras em:
Isaías 65:17
"Porque, eis que eu crio novos céus e nova terra; e não haverá mais lembrança das coisas passadas, nem mais se recordarão."
Isaías 66:22
"Porque, como os novos céus, e a nova terra, que hei de fazer, estarão diante da minha face, diz o Senhor, assim também há de estar a vossa posteridade e o vosso nome."
2 Pedro 3:13
"Mas nós, segundo a sua promessa, aguardamos novos céus e nova terra, em que habita a justiça (retidão, libertação do pecado e assentado à direita com Deus)."



Mais especificamente em 2 Pedro 3:7-13, a Palavra afirma que céus e terra atuais serão então consumidos pelo fogo e darão lugar a um novo céu e uma nova terra para que o estado eterno se inicie oficialmente:
"Mas os céus e a terra que agora existem pela mesma palavra se reservam como tesouro, e se guardam (se reservam) para o fogo, até o dia do juízo, e da perdição dos homens ímpios. Mas, amados, não ignoreis uma coisa, que um dia para o Senhor é como mil anos, e mil anos como um dia. O Senhor não retarda a sua promessa, ainda que alguns a têm por tardia; mas é longânimo (extraordinariamente paciente) para conosco, não querendo que alguns se percam, senão que todos venham a arrepender-se. Mas o dia do Senhor virá como o ladrão de noite; no qual os céus passarão (desaparecerão) com grande estrondo, e os elementos [materiais do universo], ardendo, se desfarão, e a terra, e as obras que nela há, se queimarão. Havendo, pois, de perecer todas estas coisas, que pessoas [cada um de vós] vos convém [neste momento] ser em santo trato, e piedade, Aguardando (esperando e trabalhando nesse sentido), e apressando-vos para a vinda do dia de Deus, em que os céus, em fogo se desfarão, e os elementos [materiais do universo], ardendo, se fundirão? Mas nós, segundo a sua promessa, aguardamos novos céus e nova terra, em que habita a justiça (retidão, libertação do pecado e assentado à direita com Deus)."
O apóstolo João recebe a visão dos detalhes do esplendor que será a Eternidade, conforme Apocalipse 21:1-4:
"E vi um novo céu (paraíso), e uma nova terra. Porque já o primeiro céu e a primeira terra passaram (desapareceram), e o mar já não existe. E eu, João, vi a santa cidade, a nova Jerusalém, que de Deus descia do céu, adereçada como uma esposa ataviada para o seu marido. E ouvi uma grande voz do céu, que dizia: Eis aqui o tabernáculo de Deus com os homens, pois com eles habitará (acampará, fará morada) , e eles serão o seu povo, e o mesmo Deus estará com eles, e será o seu Deus. E Deus limpará de seus olhos toda a lágrima; e não haverá mais morte, nem

pranto (tristeza e luto), nem clamor, nem dor; porque já as primeiras coisas são passadas."
O que há de mais interessante na Eternidade é o fato de que não haverá mais um Templo, um Tabernáculo físico que serviria para a habitação de Deus entre os homens, mas a face de Deus estará por todo lugar, seja no céu novo, seja na terra nova. Será mais uma demonstração da Onipresença do Pai. É exatamente o sentido deApocalipse 21:3: "Eis aqui o tabernáculo de Deus com os homens...". Cada detalhe, cada milímetro de cada lugar será preenchido na totalidade da Glória e da Presença de Deus!
Ainda analisando Apocalipse 21:1-4, também não haverá mais morte, luto, dor nem clamor. Veremos o cumprimento completo da segunda parte de 2 Coríntios 5:17:
"...as coisas velhas [espirituais e morais] já passaram; eis que tudo se fez novo."
É claro que 2 Coríntios 5:17 também está no contexto daquele que é transformado aqui na terra à medida em que ele caminha com Cristo. Mas veremos novamente isso se cumprir para todas as coisas, inclusive as físicas no planeta.
Mas a descrição do que não haverá na Eternidade não pára por aí. Continuando Apocalipse 21 e 22:
Apocalipse 21:1: Não haverá mais o mar
"E vi um novo céu, e uma nova terra. Porque já o primeiro céu e a primeira terra passaram (desapareceram), e o mar já não existe."
Apocalipse 21:81: Não haverá mais pecadores
"Mas, quanto aos tímidos (covardes), e aos incrédulos, e aos abomináveis, e aos homicidas, e aos fornicários, e aos feiticeiros, e aos idólatras (aqueles que dão suprema devoção a qualquer coisa ou qualquer ser que não seja Deus) e a todos os mentirosos (aqueles que conscientemente pregam a mentira por atos ou palavras), todos esses terão a sua parte, que será no lago que arde com fogo e enxofre; o que é a segunda morte."


Apocalipse 21:13: Não haverá nem sol nem lua
"E a cidade não necessita de sol nem de lua, para que nela resplandeçam, porque a glória (radiância) de Deus a tem iluminado, e o Cordeiro é a sua lâmpada."
Apocalipse 21:27: A Eternidade será imune a contaminações e abominações
"E não entrará nela coisa alguma que contamine, e cometa abominação (coisas impuras, detestáveis, moralmente repugnantes) e mentira; mas só os que estão inscritos no livro da vida do Cordeiro."
Apocalipse 22:3: Não haverá mais nenhuma maldição
"E ali nunca mais haverá maldição (coisa detestável, faltosa, ofensiva, impura, odiosa ou horrível) contra alguém; e nela estará o trono de Deus e do Cordeiro, e os seus servos o servirão [Lhe adorando e Lhe prestando as devidas honras]."
A Eternidade, ao contrário, oferecerá finalmente a reconciliação completa entre o homem e Deus. Em contrapartida com a lista acima, segue uma lista breve do que haverá na Eternidade:
Onofrio
Enviado por Onofrio em 17/05/2013
Código do texto: T4294775
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.

Comentários

Sobre o autor
Onofrio
Paranaguá - Paraná - Brasil, 52 anos
208 textos (17682 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 30/08/14 01:12)