Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Legado de Família


O plano de Deus é que o homem viva em família.
Deus faz que o solitário viva em família; liberta aqueles que estão presos em grilhões; mas os rebeldes habitam em terra seca, Salmos 68:6.
Deus permite que o homem escolha obedecer ao Seu plano ou estabelecer o seu próprio plano.
Se vos parece mal aos vossos olhos servir ao Senhor, escolhei hoje a quem sirvais, Josué 24:15.
O patriarca Adão recebeu a seguinte ordem de Deus.
De toda a árvore do jardim comerás livremente,
mas da árvore do conhecimento do bem e do mal, dela não comerás, Gênesis 2:16-17.
Adão resolveu dar ouvidos ao Parecer de sua esposa.
E viu a mulher que aquela árvore era boa para se comer, e agradável aos olhos, e árvore desejável para dar entendimento; tomou do seu fruto, e comeu, e deu também a seu marido, e ele comeu com ela, Gênesis 3:6.
Por conta de sua decisão Adão foi expulso do Jardim do Éden, veio a falecer e legou essa consequência de morte a todos os homens.
Então disse o Senhor Deus: Eis que o homem é como um de nós, sabendo o bem e o mal; ora, para que não estenda a sua mão, e tome também da árvore da vida, e coma e viva eternamente,O Senhor Deus, pois, o lançou fora do jardim do Éden, para lavrar a terra de que fora tomado, Gênesis 3:22-23.
E foram todos os dias que Adão viveu, novecentos e trinta anos, e morreu, Gênesis 5:5.
Portanto, como por um homem entrou o pecado no mundo, e pelo pecado a morte, assim também a morte passou a todos os homens por isso que todos pecaram, Romanos 5:12.
O rei Saul recebeu a seguinte ordem de Deus:
Vai, pois, agora e fere a Amaleque; e destrói totalmente a tudo o que tiver, e não lhe perdoes; porém matarás desde o homem até à mulher, desde os meninos até aos de peito, desde os bois até às ovelhas, e desde os camelos até aos jumentos, 1 Samuel 15:3.
Saul resolveu ouvir a voz do povo e poupou o rei Agague e o melhor de seus rebanhos para sacrificar a Deus.
E Saul e o povo pouparam a Agague, e ao melhor das ovelhas e das vacas, e as da segunda ordem, e aos cordeiros e ao melhor que havia, e não os quiseram destruir totalmente; porém a toda a coisa vil e desprezível destruíram totalmente, 1 Samuel 15:9.
Por conta de sua decisão, perdeu a coroa, a qual foi dada para outro, considerado melhor que ele.
Então Samuel lhe disse: O Senhor tem rasgado de ti hoje o reino de Israel, e o tem dado ao teu próximo, melhor do que tu, 1 Samuel 15:28.
Escolher outro caminho significa rebelar-se contra o caminho de Deus. A rebelião de Saul foi um pecado grave contra Deus.
Porque a rebelião é como o pecado de feitiçaria, e o porfiar é como iniqüidade e idolatria. Porquanto tu rejeitaste a palavra do Senhor, ele também te rejeitou a ti, para que não sejas rei, 1 Samuel 15:23.
Só a obediência por amor agrada a Deus, sendo que ao servo cabe obedecer e não discutir a ordem.
Tem porventura o Senhor tanto prazer em holocaustos e sacrifícios, como em que se obedeça à palavra do Senhor? Eis que o obedecer é melhor do que o sacrificar; e o atender melhor é do que a gordura de carneiros, 1 Samuel 15:22.
Cada um de nós pode escolher fazer o que bem quiser, arcando com as consequências de nossas escolhas.
Alegra-te, jovem, na tua mocidade, e recreie-se o teu coração nos dias da tua mocidade, e anda pelos caminhos do teu coração, e pela vista dos teus olhos; sabe, porém, que por todas estas coisas te trará Deus a juízo, Eclesiastes 11:9.
A melhor escolha para cada um de nós é deixar-nos conduzir de acordo com a Palavra de Deus.
Deus quer nos ver morando em família e considera rebelde aquele que decide de forma diferente.
Deus faz que o solitário viva em família; liberta aqueles que estão presos em grilhões; mas os rebeldes habitam em terra seca, Salmos 68:6.
O solteiro deve viver com os pais até o dia em que se casar, seguindo a orientação destes e ajudando-os a construir o legado de família.
Quando casar, o jovem então deixa a casa dos pais e vai constituir a sua própria casa e formar uma nova família nuclear.
Portanto deixará o homem o seu pai e a sua mãe, e apegar-se-á à sua mulher, e serão ambos uma carne, Gênesis 2:24.
Os pais têm o dever de educar os filhos desde seu nascimento até o seu casamento, e o filho bem educado seguirá as orientações dos pais durante toda sua vida.
Educa a criança no caminho em que deve andar; e até quando envelhecer não se desviará dele, Provérbios 22:6.
A obediência dos filhos consiste em aprender os ensinamentos dos pais e a colocá-los em prática. Isso agrada a Deus.
Vós, filhos, obedecei em tudo a vossos pais, porque isto é agradável ao Senhor, Colossenses 3:20.
Os primeiros trabalhos do filho obediente e atento aos ensinos de seus pais serão aqueles que aprendeu com eles.
Tu, porém, permanece naquilo que aprendeste, e de que foste inteirado, sabendo de quem o tens aprendido, e que desde a tua meninice sabes as sagradas Escrituras, que podem fazer-te sábio para a salvação, pela fé que há em Cristo Jesus, 2 Timóteo 3:14-15.
Meu pai foi lavrador, trabalhava a terra e tirava dela uma parte de nosso sustento. Ele me dizia que eu deveria estudar para não ser “cavouqueiro” como ele. E assim me mandou à escola, mas não deixou de me ensinar as lides do campo.
Quando vim morar em Poxoréu, em 1981, pedi emprego de professor na Escola Pe. César Albisetti. Disseram que lá não tinha vaga nem para quem era da cidade, quanto mais para quem vinha de fora.
Voltei para casa. Havia uns jovens que tiravam areia do rio para vender. Peguei uma pá e fui fazer o mesmo. Carregávamos as caçambas de pá em pá. E assim, minha primeira atividade econômica em Poxoréu foi no serviço braçal.
Em 1977, eu também trabalhei na roça, em Santo Antônio do Leste, MT, no lugar que chamávamos de Corgão. Plantei feijão e amendoim. Trabalhei na colheita de arroz, na roçada de pastos e de mata para roça nova. Meu pai também havia me preparado para o trabalho pesado.
Meu pai foi professor primário durante os anos sessenta, na comunidade de Pouso Alto, município de Torixoréu, MT. Ele ensinava em uma sala multisseriada de 1ª a 3ª séries, todos os alunos juntos. Eu fui seu aluno naquela escola. À noite, meu pai me punha para ensinar meu irmão Antônio.
Em 1980, fui contratado como professor pelo meu tio Adão Resplandes, para dar aulas particulares para seus filhos, em Santo Antônio do Leste, MT. Naquele mesmo ano, também trabalhei como professor na Fazenda Passo Fundo, então município de Cuiabá.
Meu pai sempre foi um pequeno comerciante. Teve um bulicho Fazenda onde nasci, em Torixoréu e mercearias em Goiânia e Aparecida de Goiânia, GO. Também segui seus passos nessa área, exercendo o comércio em Goiânia e em Poxoréu.
Sou agradecido ao meu pai pelo meu legado profissional quanto ao serviço braçal, ao serviço docente e ao comércio. Tudo que aprendi com ele foi útil para minha vida e também para realizar a obra de Deus.
Na Obra do Senhor, às vezes temos que pegar no pesado. Fui preparado para isso pelo meu pai.
Porque somos feitura sua, criados em Cristo Jesus para as boas obras, as quais Deus preparou para que andássemos nelas, Efésios 2:10.
Mas embora eu deva valorizar o legado de família, não tenho que ficar preso a ele. Eu posso e devo avançar, mas sempre visando ser mais útil ao Senhor em sua obra e não meramente a satisfação de meus deleites e prazeres.
Eu também me formei em Direito e, graças a Deus isso tem contribuído para resolver alguns dos problemas relacionados com a organização de nossas igrejas locais.
O que seus pais fazem hoje em dia? O que eles faziam quando você era criança? Eles tiveram oportunidades de crescer? Você contribuiu para o crescimento deles e do seu legado?
O apóstolo Paulo foi educado aos pés de Gamaliel, para ser um juiz, um advogado, um doutor da lei. Mas antes disso, ou durante esse tempo, ele também aprendeu a fabricar tendas e trabalhou nesse ofício para não ser pesado aos irmãos.
Quanto a mim, sou judeu, nascido em Tarso da Cilícia, e nesta cidade criado aos pés de Gamaliel, instruído conforme a verdade da lei de nossos pais, zelador de Deus, como todos vós hoje sois. Atos 22:3.
E depois disto partiu Paulo de Atenas, e chegou a Corinto.
E, achando um certo judeu por nome Áqüila, natural do Ponto, que havia pouco tinha vindo da Itália, e Priscila, sua mulher ajuntou-se com eles,E, como era do mesmo ofício, ficou com eles, e trabalhava; pois tinham por ofício fazer tendas, Atos 18:1-3.
O que você aprendeu com os seus pais? Qual foi o legado de família que você recebeu?

Provérbios 4:1-8 - Ouvi, filhos, a instrução do pai, e estai atentos para conhecerdes a prudência, Pois dou-vos boa doutrina; não deixeis a minha lei. Porque eu era filho tenro na companhia de meu pai, e único diante de minha mãe. E ele me ensinava e me dizia: Retenha o teu coração as minhas palavras; guarda os meus mandamentos, e vive. Adquire sabedoria, adquire inteligência, e não te esqueças nem te apartes das palavras da minha boca. Não a abandones e ela te guardará; ama-a, e ela te protegerá. A sabedoria é a coisa principal; adquire pois a sabedoria, emprega tudo o que possuis na aquisição de entendimento. Exalta-a, e ela te exaltará; e, abraçando-a tu, ela te honrará.
É claro que poderá ir mais além, mas jamais deve desprezar  o que aprendeu com seus pais.
Os filhos devem honrar seus pais, valorizar os seus ensinamentos, seguir seus passos...
E então poderá avançar.
E Deus os abençoou, e Deus lhes disse: Frutificai e multiplicai-vos, e enchei a terra, e sujeitai-a; e dominai... Gênesis 1:28.
O legado de família é o ponto de partida de nossos avanços em nosso propósito de conquistar e dominar o mundo, sujeitando-o para que atenda às nossas necessidades.
Não removas os antigos limites que teus pais fizeram, Provérbios 22:28.
Responda essa pergunta: Qual é o seu legado de família? Do que você recebeu de seus pais, o que você considera muito importante para a sua vida?
Quem te conduziu pela mão? Quem te ensinou o bê-a-bá e as primeiras palavras?
Cada um de nós é o somatório de todas as vivências e experiências legadas pelos nossos ancestrais. Todos eles estão em nós, de alguma forma, inscrito em nosso DNA, sendo nosso legado de família.
Honra a teu pai e a tua mãe, que é o primeiro mandamento com promessa; Para que te vá bem, e vivas muito tempo sobre a terra, Efésios 6:2-3.
Valorize o teu legado, ainda que você o considere bem pequeno. Ainda que seus pais apenas te colocaram no mundo...
Lembre-se: você não existiria sem isso!
Se você acha que seu legado é pequeno, esforce para ampliar esse legado para os seus filhos. Lembre-se, o legado não apenas o deixado pelos pais, mas também por todos os seus ancestrais e será aquilo que você deixará para seus filhos.
Nosso legado é um legado de família!
Portanto, dai a cada um o que deveis: a quem tributo, tributo; a quem imposto, imposto; a quem temor, temor; a quem honra, honra, Romanos 13:7.
Prof Izaias Resplandes
Enviado por Prof Izaias Resplandes em 19/02/2015
Código do texto: T5143096
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (SOUSA, Izaias Resplandes. (Título da obra) Poxoréu (MT). Disponível em: < http://recantodasletras.uol.com.br/artigos>. Acesso em: (data do acesso).). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Prof Izaias Resplandes
Poxoréo - Mato Grosso - Brasil, 59 anos
333 textos (264069 leituras)
19 e-livros (2355 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/08/17 18:01)
Prof Izaias Resplandes