Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

CIRURGIA PLÁSTICA INTERIOR

CIRURGIA PLÁSTICA INTERIOR
Maurilio Sampaio Carvalho
01/04/2007.
O ser humano apesar da beleza que o Criador lhe dotou, com o passar dos tempos, incomoda-se por ver o seu corpo físico perder as suas formas originais e, não raro, por meios que colocam em risco sua própria existência, busca através da ciência, restaurar as características primaciais de que fora dotado.
Os resultados destas nefastas tentativas se apresentam de formas as mais diversificadas.
Em alguns casos, uns atingem um sucesso tal, que às vezes conseguem transformar os seus envoltórios carnais, em seres mais belos e mais atraentes, mudando completamente suas características originais.
] Outros, no entanto, o insucesso é tamanho, que conseguem deformar aquilo que o Pai construiu com exacerbado carinho.
De outras feitas, o insucesso transforma as pessoas em verdadeiros monstros humanos, mudando radicalmente suas aparências, acarretando desgostos e arrependimentos indizíveis, eternos e irremediáveis.
Em casos vários, os erros profissionais, provocados pela vaidade humana, colocam termo a uma obra projetada por Aquele que com amor imensurável os construiu.
Cabe a indagação: será que vale a pena irmos de encontro as Leis da Natureza, tentando modificar o que Deus reservou para cada um de nós?
Será que os especialistas no assunto conseguem com todo o conhecimento que a ciência médica lhes propicia, fazer o tempo retrogradar e junto a este as nossas fisionomias originais?
Será que mesmo obtendo o êxito desejado as pessoas sentem-se mais joviais, mais, saudáveis, mais felizes?
Não seria mais plausível em vez de todo esse sacrifício, de todo o risco a que se é submetido, tentarmos operar em nós e por nós mesmos, uma cirurgia plástica interior?
Com certeza o corpo físico pode até não sofrer os efeitos que a cirurgia plástica tradicional pode oferecer, mas, sem nenhuma dúvida, o nosso espírito ficará mais belo, mais saudável e bem mais feliz.
Do exposto fica fácil deduzir-se: não deixe o certo pelo duvidoso. O espiritismo nada tem de contra a quem opta por esta iniciativa.
O livre arbítrio é de nossa competência, assim como a nossa alegria ou tristeza são frutos da decisão por nós tomada.
Lembremo-nos, no entanto, que poderemos correr o risco de desagradar aos nossos mentores espirituais e notadamente a quem nos colocou no mundo para ajudá-lo na administração da sua magnífica obra, face a demonstração de vaidade dada por nós..
Olhe-se no espelho da vida e veja que quem está a sua frente é um ser moldado e amado por Deus. Por isso agradeça a cada segundo a fisionomia que o passar dos tempos lhe impôs, graças à permissão de quem o quer intensamente, mesmo nas condições que você se encontra.
O Criador só enxerga em nós a nossa beleza interior.
Seja você mesmo, porém, tente ser um pouco melhor e mais bonito, conhecendo-se e amando-se a si mesmo e ao próximo, tornando-se desta maneira mais feliz, assim como quem lhe criou a sua imagem e semelhança.
PENSE NISSO!
Verseiro
Enviado por Verseiro em 30/08/2007
Reeditado em 10/07/2008
Código do texto: T631057
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Verseiro
Salgueiro - Pernambuco - Brasil, 75 anos
22 textos (1072 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/08/17 05:52)
Verseiro