Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

TUDO POSSO NAQUELE QUE ME FORTALECE (Reflexões)

Texto extraido do livro "REFLEXÕES COTIDIANAS) ainda não editado

      No capítulo quarto, Paulo finaliza  a sua carta aos filipenses dando recomendações e solicitando ao seu amigo Sizigo que seja mediador da paz entre Evódia e Sintique que vivem em conflitos.
      Sizigo, certamente, é a pessoa em quem Paulo deposita muita confiança. Por isso, Paulo pede a ele que ajude essas Pessoas -Evódia e Sintique — a fazerem as pazes.  Paulo fala que Evódia e Sintique juntamente com Clemente e outros colaboradores o ajudaram muito na luta pelo Evangelho, e por isso com certeza seus nomes já estão no livro da vida.
      Paulo recomenda e repete por alguma vezes para que os filipenses se alegrem no Senhor e que a bondade deles seja notada por todos na comunidade. Pede ainda para que a comunidade de Filipos não se aborreça com nada e que esteja sempre confiante no Senhor; apresentando a Deus todas as suas necessidades, através da oração e da súplica e ação de graça.
      Paulo conforta a todos dizendo que a paz de Deus que ultrapassa toda compreensão, guardará em Jesus Cristo os corações e pensa- mentos deles. Isto é: que um dia eles terão a recompensa no Céu.
      Paulo pede a todos que não se desviem do caminho do bem e que se comprometam com tudo o que é verdadeiro. Embora  nobres, que eles possam ser justos, puros, amáveis e merecedores de elogios por parte de todos.
      Mais uma vez Paulo se coloca como modelo para os filipenses, pedindo que pratiquem tudo o que aprenderam com ele e que rece- beram como herança. Se assim agirem, a paz de Deus estará sempre  com vocês (diz Paulo).
      Paulo fala da sua alegria ao perceber o interesse dos filipenses em ouvir e pôr em prática tudo o que ele pregou. Interesse  este que já existia, mas faltava oportunidade para demonstrá-lo.
      Fala também da sua gratidão pela oferta da comunidade.
      Agradece a todos em preocupar-se com seus sofrimentos.
      Salienta que se adapta a qualquer situação, isto é: na  necessidade ou na abundância, saciado ou passando fome. Ele fala que tudo pode naquele que o fortalece.
      Paulo relembra quando, no início da pregação do Evangelho, partindo de Macedônia, o carinho que a comunidade de Filipos teve para com ele no sentido de dar e receber.
      Agradece pela ajuda enviada a ele quando pregava em Tessalônica. Tranqüiliza os filipenses, dizendo que, no momento, não lhe falta nada; principalmente com a chegada de Epafrodito trazendo tudo aquilo que lhes mandaram.
      Sabendo que sua carta será lida numa reunião da comunidade, Paulo finaliza pedindo aos filipenses que saúdem todos os cristãos que estão com eles, especialmente os da casa de César. Aqueles que trabalham para o imperador.
                                                  Texto baseado em Fl 4,1-23



Antônio Oliveira
Enviado por Antônio Oliveira em 18/10/2007
Reeditado em 09/11/2007
Código do texto: T699994
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Antônio Oliveira
São Paulo - São Paulo - Brasil, 72 anos
702 textos (561408 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/10/17 05:11)
Antônio Oliveira