Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Um lugar ao Sol

Do que adianta, por as bombas no mundo e querer ver tudo ir ao ares, se tudo isso não passará de apenas pensamento?
Deixa que as pessoas façam o que querem, e montem seus castelos de mentira e se tranquem na torre, se defendendo delas mesmas. O que você pode fazer em relação a isso?
Primeiro, o perdão virá ao seu tempo, não exiga compreensão quando você não ofecere compreensão. Não peça devolta aquilo que não dá. Tudo é regra da ação e consequência. O que faz volta, na mesma intensidade que você faz.
Claro que não é possível fazer só o bem, está aqui exatamente para aprender isso. Mas também não pode fazer isso de uma desculpa para encombrir seus defeitos e erros. Quando for claro o bem a ser feito, tem de ser feito com o coração. O bem feito por interesse perder todo seu valor.
Mas isso não vale para o mal. O mal mesmo feito sem conciência, ainda tem seu peso, e voltará na mesma intensidade que foi. Não se tem escapatória, e nem mesmo tempo. Tudo volta, pode ser dali um segundo, ou muitos dias, quem sabe anos...
Agora não queria controlar o que você não sabe e não vê. A grandiozidade do mundo não pode ser vista por seus pequenos olhos. Permitasse errar mais, mas aceite esse erros, e aprendas com eles, somente assim poderá dizer sinceramente que está evoluindo. Seja humilde e não burro.
Deus não quer que imaginemos que está rindo do que passamos, mas sim que aprendemos com nossas atitudes, feitas tantas vezes errada. E tomara que tenha aprendido dessa vez, passar pela mesma situação a vida inteira é perda de tempo, e disperdicio de uma grande oportunidade de ser mais que é hoje. Vá crescer e admirar o que você pode fazer, é muito maior que isso, e muito capaz de ter outras coisas. A vida está recheada de grandes coisas, para vivermos nos perdendo nas pequenas futilidades da vida.
Sejamos menos egoistas de achar que tudo é em volta do nosso pequeno e sujo umbigo. Será que somos assim tão importantes? Somos apenas parte de uma grande história, e não passamos de pequenos quadijuvantes da vida alheia. Passamos sem perceber mudando tudo, para aprendermos uns com os outros. Não chegaremos a lugar nenhum sozinhos, e burro aquele que acha que é capaz de alcançar a superiodade por si só. Vivemos em socidade para crescermos, assim como os animais. Somo somente animais, que nos comunicamos mal, disputando nosso território, que é apenas um lugar ao Sol. Quem não quer um lugar ao Sol?! Mas temos que lutar por ele. Vá a luta, reconheça seus erros, e chege mais longe do que da última vez, e tenha orgulho de si mesmo, e das pessoas a sua volta. Quando olhar para cima agradeça de poder abrir os olhos e continuar lutando por sua evolução, não podemos parar no tempo, ninguém nos espera.
Claudia Rayzer
Enviado por Claudia Rayzer em 18/11/2005
Reeditado em 28/11/2005
Código do texto: T73000

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor e o link para o site). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Claudia Rayzer
São Vicente - São Paulo - Brasil, 31 anos
139 textos (6846 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 01:55)
Claudia Rayzer