Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

NINGUEM/NUNCA

 Esse texto é apenas  variação dentre muitas que ja li.Estou expondo apenas a minha versão...

Ninguem é tão pobre que nunca possa se doar
NinGuem é tão rico que nunca precise de doação
Ninguém é tão forte que nunca chore
Ninguém é tão auto-suficiente que nunca possa ser ajudado.
Ninguém é tão fraco,que não passa vencer.
Ninguém é tão invalido que nunca possa contribuir.
Ninguém é tão sábio que nunca possa errar.
Ninguém é tão errado que nunca possa acertar.
Ninguém é tão corajoso que nunca tenha medo.
Ninguém é tão medroso que nunca tenha coragem.
Ninguém é tão ninguém que nunca precise de ninguém.
A Pior Doença: A Da Alma.
O Melhor Remédio:O AMOR.
 

Aluísio Bórden
Enviado por Aluísio Bórden em 16/11/2007
Código do texto: T739668

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Aluísio Bórden
Teresina - Piauí - Brasil, 43 anos
232 textos (10522 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/08/17 14:18)