Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ÚNICA ESPERANÇA QUE NÃO MORRE

ÚNICA ESPERANÇA QUE NÃO MORRE


A gente ouve cada coisa! Somos acometidos por situações adversas, e fazemos declarações precipitadas. Muitas vezes até amarguradas. Não é mesmo?  Uma delas merece a nossa reflexão, inclusive já se tornou um dito popular: “a esperança é a última que morre”. Passei a considerar a questão: De que me vale uma esperança que, apesar de ser a última a morrer, também morre?

Nos anos que já tenho vivido, conheci uma porção de pessoas que já partiram e que viviam tão somente na dependência de certas esperanças... Esperanças estas que acabaram por falecer antes ou no exato dia da sua morte.

Algumas depositaram as suas esperanças no dinheiro e no sistema econômico – Lembram do Plano Collor? – e contemplaram a ruína de suas esperanças. Outras depositaram as suas esperanças no relacionamento com certas pessoas que não eram certas e colheram a decepção traiçoeira de suas esperanças. Há aqueles que depositaram as suas esperança na prática religiosa, na ideologia, na filosofia, e foram frustradas ao verem ruir as muralhas de suas esperanças. Por fim, outras apostaram todas as suas esperanças nos últimos avanços da ciência e da medicina... Viveram mais alguns anos, meses ou dias... E depois, foram sepultadas juntamente com suas esperanças.

De que me vale uma esperança que, apesar de ser a última a morrer, também morre?
Onde encontrarei uma esperança que não morra?

A única esperança que não morre tem que ser garantida por um ser eterno, que não morre jamais, imutável, único e soberano. Onde encontrá-lo?... Busquei na Bíblia Sagrada e o encontrei... “Jesus Cristo é o mesmo ontem, e hoje e eternamente – Hb 13.8”. O novo e vivo caminho da “esperança que não morre” está garantido pelo poder da ressurreição do Senhor Jesus Cristo – I Pe 1.3-5.

Em que garantias estão fiadas as suas esperanças?
A sua esperança, ainda que seja a última, também morre?
O Senhor Jesus Cristo, é a única esperança que não morre nem com a morte, pelo contrário, na morte deixa de ser esperança. Concretizando-se em realidade bendita e eterna com Ele nos céus.
Nele deve estar depositada a sua esperança.

Abílio Carlos dos Santos

Abilio Carlos dos Santos
Enviado por Abilio Carlos dos Santos em 17/01/2006
Código do texto: T99851
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Abilio Carlos dos Santos
Santo André - São Paulo - Brasil, 67 anos
327 textos (123506 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 12:52)
Abilio Carlos dos Santos