CapaCadastroTextosÁudiosAutoresMuralEscrivaninhaAjuda



Texto

Versos em cartões de Natal

Eu sempre achei esquisito determinados cartões de Boas Festas.
A mensagem já vem impressa... padronizada. Ficava imaginando quantas pessoas receberiam o mesmo cartãozinho insosso vendido no comércio.
Um dia tive a idéia de colocar uma quadra nos cartões que expedi. Desde então, a cada ano nosso cartão leva a nossos amigos votos(exclusivos) em versos.
Eis alguns deles:

1983
Que o mundo seja luz, tornando a vida bela.
Todos os problemas resolvidos no final.
Trazendo esta brisa que lhe adentra a janela
Nossos sinceros votos de um Feliz Natal.

1988
Em mais um ano que chega ao final
para alegria de todo o povo,
lhes desejamos um lindo Natal
e um tranqüilo e feliz Ano Novo.

1989
E chega outra vez este tempo de paz
em que todo o mundo fulgura de luz.
Deixai as tristezas e mágoas pra trás,
lembrando aos homens que nasceu Jesus.

1990
Presépios, pinheiros e coisa e tal.
Presentes bonitos... Natal multicor.
O ano que vem será bem mais legal
Se todos lembrarmos de usar o amor.

1991
Que o ano que vem seja assim sem igual,
Com amor, alegria e paz para o povo.
Fazendo de cada momento um Natal,
Na certa teremos um bom Ano Novo.

1992
Quando é chegado do ano o final
Tempo de paz e amor pelo mundo,
Lhes desejamos um lindo Natal
e um Ano Novo bastante fecundo.

1993
Que neste Natal, amigo Noel,
Mais do que todos aqueles presentes,
Não se esqueça de encher o farnel
De nossos irmãos menores carentes.

1994
Possa a estrela de Belém
Que do céu mostrou Jesus
Enviar a sua luz
E guiar você também

1995
Surpresas no Natal
Ano Novo com dinheiro
Saúde especial
E paz o ano inteiro

1996
Por toda a cidade, chegado o Natal
Enfeitam-se casas e as lojas do centro
Tudo é muito lindo, mas o principal
E não esquecer de enfeitar-nos por dentro.

1997(?)
Todo homem de boa vontade
No Natal um desejo arrisca.
Vejo votos de felicidade
Nos lampejos do seu pisca-pisca.

1999
Enfim é festa no mundo
Natal, milhões de esperanças.
É quando Noel, num segundo,
Transforma a todos: crianças...

2000
O ano já vai acabar...
O século se precipita!
Só temos a lhes desejar
Que tudo de bom se repita

2001
N esta data abençoada
A noite acende-se em luz
T ransformando coraçõees
A paz é mais respeitada
L ouvemos, Nasceu Jesus

2002
Embora você não nos veja
Na lide do seu dia a dia
Sucesso é o que a gente deseja
E um ano cheio de alegria

2003
Quando imagino a cena de luz
Na manjedoura, distante em Belém
Toda criança me lembra Jesus.
Cada mulher é Maria também

2004
Que os anjos do Natal
Acompanhem seu futuro.
Tenha um ano bem legal,
Proveitoso e seguro.

2005
Não há dia que a outro seja igual
Que o futuro traga paz a nosso povo
Se abasteça de alegrias no Natal
Pra usar a toda hora no Ano Novo

2006
Nessa festa de origens cristãs
E caráter já universal
Que as Nações reconheçam-se irmãs
para em PAZ festejar o Natal

2007(?)
Neste Natal, pra falar a verdade,
esta listinha me satisfaria:
um pacotão só de felicidade,
outros de paz, de amor e harmonia

2008
Bom Natal! digo usando a informática.
Do cartão de papel eu já fui fã.
Hoje deixo mensagens "bem mais práticas"
preenchendo sua caixa, feito spam.

2009
Um novo clima no ar já se sente:
Mês de dezembro. Natal está perto,
Sob pinheiros, fechados, os presentes.
E corações que afloram abertos.

2010
Papai Noel ocupado
com pedidos, que são vários
de presentes para o povo.
Sofreu atraso, coitado...
(culpa de aeroviários?)
Mandou cartão de Ano Novo!

2011
Pedi ao velho Noel
Presentes bons de verdade
Mas nada envolto em papel:
Saúde, paz e amizades.

2012
Sob a árvore de Natal, quando criança,
Meu sapatinho colocar eu sempre quis.
Ia dormir todo cheio de esperança,
E acordava de manhã bem mais feliz.
Sérgio Serra
Enviado por Sérgio Serra em 09/05/2006
Reeditado em 09/12/2013
Código do texto: T152851
Classificação de conteúdo: seguro

Comentários

Sobre o autor
Sérgio Serra
Aracaju - Sergipe - Brasil, 58 anos
73 textos (51994 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 01/09/14 08:14)