Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

TRANSPARENTES VERSOS

"O NATAL
EM" TRANSPARENTES VERSOS

Caro leitor/a, versos transparentes
dedico a esta quadra do ano que fica
de ano para ano a pertencer sempre
às nossas vidas se da infância

guardamos uma memória mágica:
o Pai Natal trazia prendas deixadas
junto à árvore... de Natal

A magia da poesia é também esta
onde versos guardam a experiência
da descoberta dum gosto bom e raro

só temos certeza do que não temos
a certeza, é esta dúvida feita dádiva
esta alegria permanente em nós nós
de pontas diversas atadas a emoção

(
As coisas são o que são, ter o Natal
é ideal dum dia em que nasce Jesus
filho de Deus vindo para nos salvar!

Mesmo se não cremos, quem não
quereria Deus omnipotente podendo
rezar e obter perdão? Viva o Natal!...
)

{Já que é Natal quando um homem quiser, hoje escrevi e aqui deixo estes "versos transparentes"}
Francisco Coimbra
Enviado por Francisco Coimbra em 26/08/2007
Reeditado em 26/08/2007
Código do texto: T624210
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Francisco Coimbra
Portugal
786 textos (311357 leituras)
37 áudios (39654 audições)
1 e-livros (148 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/10/17 13:57)
Francisco Coimbra