CapaCadastroTextosÁudiosAutoresMuralEscrivaninhaAjuda



Texto

Me dê forças Senhor

Me dê forças Senhor para seguir o que Tu queres para a minha vida, mesmo que eu perca a direção ou o controle de eu mesma
Me dê forças Senhor para não falar mal de meus irmãos, mesmo que muitas vezes a minha língua queira destruir aqueles que me perseguem
Me dê forças Senhor para não viver a vida em vão, mesmo que o passado me faça refém de meu coração
Me dê forças Senhor para não deixar enraizar muitas das vezes o meu egocentrismo, mesmo que eu precise deixar de lado o eu que tanto almejo dentro de minha alma
Me dê forças Senhor para estender a mão a quem necessitas, mesmo que eu só possa oferecer a simplicidade de um leve sorriso
Me dê forças Senhor para buscar a santidade, mesmo que tenha eu que renunciar os prazeres carnais e as paixões mundanas que me trazem ilusão
Me dê forças Senhor para alcançar o céu, mesmo que eu tenha que subir milhares de degraus e esteja cansada para seguir até o fim
Me dê forças Senhor para não desagradar a minha família, mesmo que eu tenha que me esforçar e abdicar muitas vezes de minhas vontades
Me dê forças Senhor para eu não cair em tentação, mesmo que elas
venham intensamente e cheias de delícias machucando o meu coração
Me dê forças Senhor para eu estar junto da sua cruz, mesmo que eu não queira para mim o sofrimento
Me dê forças Senhor para que eu possa guardar seus mandamentos em meu coração, mesmo que não entenda muitas vezes o que eles possam significar em minha vida
Me dê forças Senhor para que eu possa chorar contigo, mesmo que eu não saiba o motivo de minhas lágrimas ou da dor que guardo em meu peito
Me dê forças Senhor para que eu possa enxergar com seus olhos, mesmo que minha visão se turve ou esteja ficando cega
Me dê forças Senhor para eu amar todos sem cessar, mesmo que possa doer o meu coração pela imensa vontade de doar Tu para cada irmão que se aproxima de mim.
Me dê forças Senhor, muita força para eu prosseguir a minha caminhada contigo, mesmo que eu tenha que passar por noites solitárias, por insônias e pesadelos e não consiga mais te achar em mim, mas que eu carregue Senhor Jesus, o alívio de meu cansaço sob suas asas, sobre os seus braços, mesmo que eu não te sinta, não te veja e não lhe entenda.
Por isso meu Senhor, me dê forças pelo menos para que eu creia e não desista de Te encontrar em mim.

Amém.





Roberta Mendes de Araújo
Enviado por Roberta Mendes de Araújo em 05/04/2010
Reeditado em 21/04/2011
Código do texto: T2178234

Copyright © 2010. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre a autora
Roberta Mendes de Araújo
Nova Friburgo - Rio de Janeiro - Brasil, 31 anos
212 textos (55870 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/07/14 22:30)