Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Ajuda-me, Pai

Sempre que a mão trêmula denunciar-me o medo
E os olhos queimarem sob o pranto mal contido,
É em Ti, meu Pai, que sempre buscarei conforto!
Ajuda-me, Pai, a vencer a sedução da ira...
Ajuda-me, Pai, a prantear sem entregar-me ao desespero...
Ajuda-me, Pai, a pressentir a Providência em meu socorro...
Ajuda-me, Pai, a não fraquejar mais que este choro de dor...
Ajuda-me, Pai, a ter-me em rediviva certeza de vitória...
Ajuda-me, Pai, porque necessito de Tua Misericórdia!
Ofereço-Te, Pai, minha confiança mesmo chorando...
Ofereço-Te, Pai, minha candura a abafar toda revolta...
Ofereço-Te, Pai, o meu desejo de vencer por Tua Glória...
Ofereço-Te, Pai, minha pequenez que se agiganta no Teu colo...
Marco Aurélio Leite da Silva
Enviado por Marco Aurélio Leite da Silva em 26/09/2007
Reeditado em 26/09/2007
Código do texto: T669619
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Marco Aurélio Leite da Silva
São José dos Campos - São Paulo - Brasil
106 textos (51025 leituras)
1 áudios (38 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/08/17 10:47)
Marco Aurélio Leite da Silva