Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

PENSAMENTEANDO 5 (Filosofia existencial)

O que se pode chamar de "ideal de um chiqueiro"? A meu juízo, nas pegadas de Einstein, é tudo aquilo que se coloca como finalidade absoluta cujas raízes estejam na satisfação das mais reles paixõezinhas pessoais. Destarte, primeiro eu, nada além de mim. Tal ética, sem dúvida, vai de encontro aos mais salutares e necessários princípios humanísticos.

Infelizmente, não é outra coisa que se pode encontrar numa forma de organização social onde o ter e o parecer são elevados à categoria de dogmas, de fenômenos sacrossantos. Os resultados mais catastróficos são esses que testemunhamos.

A primeira coisa a se fazer, nesse vil contexto, é instalar um reino de mentirarias banhado por uma espécie de cinismo que cauteriza as mentes e faz brotar um nefasto jogo de faz-de-conta.

Desaparecem, portanto, as referências sociais concretas. O tu passa a ser visto como ameaça, disputa comigo meus desejos e pode ser tão espertalhão como eu. Enfim, se de alguma maneira não eliminá-lo acabarei sendo consumido por ele.

Essa "moral de pocilga" não nos deixa outra saída senão a de chafurdarmos nas lamas ainda que um e outro carreguem nos focinhos as mais lindas pérolas de retóricas socialistas.
Ary Carlos Moura Cardoso
Enviado por Ary Carlos Moura Cardoso em 27/01/2006
Reeditado em 31/12/2006
Código do texto: T104760
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Normal.). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Ary Carlos Moura Cardoso
Palmas - Tocantins - Brasil
1003 textos (256613 leituras)
1 áudios (294 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 06:30)
Ary Carlos Moura Cardoso