Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Um novo Amanhã

  Poucos momentos,alguns toques,segredos e confidências,um pouco de cada um,assim começamos,entrando um na vida do outro,ambos com medo,marcados pelas desilusões.Guiados por algo ou alguém,talvez um anjo,sei lá o que,começamos a nos envolver,sem saber ao certo o que esperar,sem prever nada além do presente,confiando apenas em nossos intintos.Sem saber se havia esperança em nós,retiramos do peito o pouco que ainda restava,num vácuo da solidão,nossas carencias foram se revelando e num confuso desabrochar fomos despertando os sentimentos adormecidos.
  O destino nos apresentou,nossas feridas ainda doem,o que temos é só o agora,o passado prendeu nossos sonhos,o que ainda somos hoje e o que seremos amanhã é uma incognita,se temos mascaras em nossos rostos,só o tempo revela-rá e na incerteza constante um devaneio de perspectiva se aprofunda em nossos corações,como uma semente querendo germinar em meio a escuridão.
 Sabe,confesso estar perdido,creo que também esteja,porém revelo a você que desde o inicio,uma voz vem me guinado,me dizendo para persistir,para deixar um pouco de lado a razão,pela qual sempre me orientei e não querer entender,apenas ir adiante,ter fé e esperança que tudo dará certo,peço o mesmo a você,não tente explicar,pois sei que nem tudo é explicável,existem coisas misteriosas que não podemos compreender,devemos deixar acontecer e não pensar se estamos certos ou errados,vamos dar uma chance a fé,talvez ela nos dê a chave do amor e a incerteza fique para traz para que possamos dar as mãos para construir um novo amanhã.

JOÃO MOLON NETO
Enviado por JOÃO MOLON NETO em 05/04/2006
Código do texto: T134158

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (João Molon Neto (Cavaleiro da Luz) /www.recantodasletras.com.br). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
JOÃO MOLON NETO
Franco da Rocha - São Paulo - Brasil, 34 anos
331 textos (17219 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 16:33)
JOÃO MOLON NETO