Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Conversa com um espelho

- Mas não é de todo ruim ser um espelho, não?
- Não, claro que não! Nós somos bastante sábios... ninguém tem segredos pra um espelho. Eu só vejo, penso e digo a verdade. Não posso fingir nada, tudo o que se vê diante de um espelho é a mais pura verdade. Algumas pessoas não gostam de se ver diante de mim... não se aceitam como são de verdade e passam a vida inteira muito infelizes...
- Sim... isso é muito triste. Temos que gostar de nós mesmos, ou então ninguém vai gostar!
- Exato. E infelizmente, eu não posso mentir... se pudesse, mostraria às pessoas a imagem que cada um deseja ver diante de um espelho.
- E do quê o senhor mais gosta de fazer? – Quis perguntar a menina, para mudar de assunto.
- Ah! É de ver as pessoas escovando os dentes! Elas fazem cada cara engraçada! Só não gosto quando espirram pasta de dente e espuma em mim! Tem umas que quando terminam, me deixam todo molhado!
Estrela também achou que devia ser muito engraçado observar as pessoas escovando os dentes e fazendo outras coisas que elas faziam na frente de um espelho e achou que seria muito interessante saber o passado de um espelho, tudo o que ele já tinha visto e vivido.

* Mais um trecho do meu livro infanto-juvenil "Estrela cadente", onde a menina Estrela conversa com Dom Miroir Reflexo, o espelho que governa os habitantes de um banheiro.
Daniel Bartholomeu
Enviado por Daniel Bartholomeu em 15/04/2006
Código do texto: T139294
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Daniel Bartholomeu
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 30 anos
48 textos (3764 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 20:37)
Daniel Bartholomeu