Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

PORTA ABERTA...


PORTAS ABERTAS BATENDO,
NO VAI E VEM DO BRANDO VENTO.
NUMA MELODIA TRISTE, E SAUDOSA .
LEMBRANÇAS QUE RONDAM.
AS PAREDES NUAS DE QUADROS,
MAS QUE GUARDAM LAGRIMAS E RISOS,
E EZALAM VELHOS PERFUMES DE ALQUÉM QUE PARTIU.
ÉCO DE VOZES QUE SE PERDERAM NO SILÊNCIO,
MAIS QUE A NOITE REPASSAM MISTERIOSAMENTE.
VINDAS DOS GUARDADOS OCULTOS DA ETERNIDADE
DE SEGREDOS JAMAIS CONTADOS OU OUVIDOS.
SÓ O VENTO QUE LEVA E TRAZ É TESTEMUNHA,
MAIS SE CALA NA CONSPIRAÇÃO, ENTRE O UNIVERSO
E O BADALAR DO CORAÇÃO.
SÓ O VENTO QUE LEVA E TRAZ É COMPANHEIRO,
NO MUDO SEGREDO DE PALAVRAS SUSSURRADAS.
O VERÃO JÁ SE FOI, E O OUTONO É UM PRESSAGIO
DESCOLORIDO,COM SUAS ARVORES NUAS,
E FOLHAS AO CHÃO, ENVELHECIDAS E PARTINDO
ANUNCIANDO UM INVERNO FRIO...
NOITES ESCURAS SE APROXIMAM,
E A BRUMA CINZA DO LAGO, MISTERIOSA,
SILENCIOSA, ATE O AMANHECER, ONDE O VENTO
SOPRA LEVE E TÍMIDO ENTRE OS RAIOS DE SOL
QUE TEIMAM EM REBRILHAR,
AO ANUNCIAR MAGESTOSO,UM NOVO DIA,
COM O CANTO ALEGRE DOS PASSAROS,
VEM  PROMETENDO BOAS NOVAS...
E A PORTA CONTINUA ABERTA ...
ESPERANDO.
ESPERANDO!
ESPERANDO?

mara
Enviado por mara em 26/04/2006
Reeditado em 08/05/2006
Código do texto: T145667
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
mara
Cachoeiro de Itapemirim - Espírito Santo - Brasil, 47 anos
442 textos (17299 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 00:44)
mara