Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Pensamentos...

Quem é o que,  dentro de mim?
Ficar diante desta terrível questão parece ser a única coisa possível para mim no momento.
Ainda não sei quem sou, nem porque estou aqui...
Sentir não é o mesmo que saber, mas pelo menos sei o que não devo ser numa certa medida, mesmo sentindo que há várias partes em mim que lutam entre si para se apoderarem de meus sentidos, aqui estou, expectador desta contradição... Que posso ver sempre que me é possível... E apenas ver este desfile de pensamentos e emoções que se apodera deste corpo, sem nada que eu possa fazer...
A não ser...
Servir de testemunho de minha própria incapacidade.
Ao mesmo tempo uma parte de mim quer chorar e chora como agora por não conseguir encontrar uma saída onde eu possa me bastar em existir, aceitando esta contradição sem tanto sofrimento, destas partes que me jogam de lá para cá e me deixam moída e cansada e assim me perco a todo o momento inclusive agora que tento relatar o que se passa em meu íntimo.
Já me é possível ver porque afogo-me no sono, é terrível a situação que posso ver, pois um eu em mim me convence sorrateiramente a não ver, pois assim esta parte não sofre.
Curiosamente me dou conta que tudo isso que estou escrevendo não significa nada e toda a contradição desaparece e me sinto em paz comigo mesma sabendo que esta sensação é passageira.
Laninha
Enviado por Laninha em 20/05/2006
Reeditado em 04/12/2009
Código do texto: T159291

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Laninha
São Paulo - São Paulo - Brasil, 35 anos
52 textos (2685 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 04:19)
Laninha