Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Quando senti a morte

                                                           Quando senti a morte.
Foi para mim um choque explosivo, que me levou  ao inferno astral.
Na verdade estava sem o controle da situação, somente o que me mantinha  vivo era a fé em Deus. Eu fiquei sem controle de mim mesmo por muito tempo, fiquei como uma criança abandonada num mundo diferente desse, isso mesmo, a minha mente levou ao mundo invisível, onde a razão perde o sentido de ser.
Passei muito medo, e fiquei apenas com a fé e a coragem de um iniciado, que os homens de luz não iria abandonar-me numa hora, onde a minha mente estava em plena confusão.
Eu percebi que estava em outra dimensão, percebi também que a linguagem falada era por simbologia e não a linguagem falada.
Eu vivi em algum espaço de tempo a passagem da morte sem ter morrido de verdade; mas a verdade é que eu morri pra essa vida, pois só me resta lutar para transmitir e tentar ser feliz com o que restou da minha pessoa.
Eu ainda estava dentro da iniciação, quando isso ocorreu, foi um abalo explosivo que deixou –me  completamente sem equilíbrio necessário para restabelecer-me diante do imenso fundo cósmico que apareceu para engolir o meu ser.
Foi ai que eu pedi clemência ao Deus misericordioso e  com seu braço forte tirou –me do meio da tempestade, em que me encontrava. Foi na verdade uma experiência que eu após ter vivenciado e ter superado eu acredito que foi uma passagem que teve respaldo do que eu fiz na iniciação, porque dentro da iniciação eu era um homem de desejo fecundo, onde colocasse o meu verbo tudo se criava ou era abençoado.
Foi difícil encontrar respostas para isso que aconteceu comigo, porque eu era reto no meu pensar e cumpria com as minhas devoções divinas; eu tive na verdade de conviver com  a perda do estimulo de viver. A verdade foi que eu vivi uma grande tempestade no meu mundo interior para que eu descobrisse o Deus maravilhoso que existe dentro de mim mesmo e não procurasse fora o Deus verdadeiro. Pois hoje eu procuro Deus dentro de mim, pois sei que vou encontrar o Deus que me socorreu e tirou –me da grande turba tenebrosa .
Hoje posso garantir que sou filho de Deus, não porque ele me deu uma vida fácil, mas, porque quem gosta cuida e ele cuidou das minhas chagas.
.
Marck Sosza
Enviado por Marck Sosza em 15/06/2006
Código do texto: T176222
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Marck Sosza
Guarulhos - São Paulo - Brasil, 55 anos
149 textos (12332 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 06:11)