Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Pedido fúnebre..

Quando este corpo ferido encontrar o abrigo amigo de um caixão. Quando meu corpo baixar para a morada eterna do chão. Eu imploro até, flores não... Não enfeitem, não façam como as regras sociais das inverdades.
luxos, lágrimas,gritos, dispensado e facilitado está...
Chamem meus amigos vagabundos, que os vagabundos de mim tomem conta,deixem que a mim acariciem como a uma filha, uma irmã, uma vadia..
Que saiam os puros entre aspas, que fiquem os bêbados, os ladrões de amanhecidos pães, que se debrucem.. com seus bafos doentios, a verterem sobre mim, suas lágrimas singelas e purulentas...
Que todos os mendigos, os perdidos, os injustiçados, os engandados, os usados,os maltratados acompanhem meu estranho funeral.
Que os maus, acompanhem o cortejo, não quero bondades hipócritas, as matronas venenosas, que tanto a mim picaram, cascavéis, turba de invejosas, medrosas por seus machos que tanto pus a correr..
Stop, às namoradinhas de portão e aos engraxados rapazes em suas escondidas fecundações cujas clínicas luxuosas abarrotam as filas de succões tendo como testemunhas apenas os ditos portões..
Não quero, não quero a moça que faz curso-culinária, não quero a sogra com o enjoado e rotineiro cheiro de domingo-vocês-levem-as crianças-para-o-almoço-de-sempre. não quero estas belezas florais e boas...
Quero apenas os amigos, da moça do bordel, ao retirante das casinhas rotas deste ainda Meu País.. As mortes já não me assustam, o que vejo e vi, já sei defunda analisar, meu coração conhece o significado das flores...
Dorothy Carvalho
Enviado por Dorothy Carvalho em 04/07/2006
Reeditado em 07/02/2011
Código do texto: T187669
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Dorothy Carvalho
Rubiataba - Goiás - Brasil
351 textos (53939 leituras)
1 e-livros (85 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 04:24)
Dorothy Carvalho