Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Estranha Em Meu Mundo

Olho ao redor, dentro de meu apartamento e fora dele, e me pergunto: Quem sou eu nessa paisagem? Sei que o que meus olhos vêem é bonito: a amplidão da sala, as cores do sofá, a cor clara do piso, as árvores, o sol do fim de tarde, folhas verdes, vermelhas e amarelas, o azul límpido do céu...

Mas me sinto uma estranha a essa realidade, como se não pertencesse a ela, como se não pudesse ser vista por outros porque cá não estou.

Chego a pensar na sensação da morte. Não é o corpo físico que se relaciona, mas uma forma etérea, imaterial. É estranho sentir isso. E ruim.

E, como num piscar de olhos, parto daqui e me vejo em minha estrada, inerte. Atrás de mim está o meu passado, uma estrada reta e plana que permitiu a certeza dos momentos e decisões, com obstáculos ultrapassados, vencidos. À minha frente, o meu futuro, uma curva, impossível de conhecer ou visualizar. E vem o medo do enfrentamento do desconhecido.

E continuo ali parada, sabendo que, se voltar, continuarei vivendo no escuro, mas lá, após a curva, estão minhas respostas. E que eu temo sabê-las.

Ambos exercem o mesmo fascínio em mim e, como numa brincadeira de cabo-de-guerra, continuo no mesmo lugar, paralisada, somente minha cabeça mexendo-se para um lado e outro.

Até quando ficarei aí?


(sábado, 12/08/06)
(PRATA)
Cris Marco
Enviado por Cris Marco em 14/08/2006
Código do texto: T216512

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Cris Marco
Campinas - São Paulo - Brasil, 53 anos
86 textos (4402 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 09:58)
Cris Marco