Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A vida é um poema.

Os amores impossíveis são como capítulos inéditos
Pensem! Ora: Esperamos por eles, quando vêem
Nos decepcionamos e sofremos;
Ou encantamo-nos e vivemos – Contamos tudo

Num poema, a qual chamamos comumente
Mas, que na verdade, todos os escritos são poemetos
E não poemas, Pois nem as epopéias são poemas!
O que é então? Chamam de “vida”, prefiro: “Poema”

As epopéias não são vidas, não se deve comparar
Veja a vida: é um poema – Nunca que tem fim
Os poemas por mais que pareçam, não têm final
Pois é sempre parte uma obra, e esta acaba, não termina

Pois não existe como ler toda uma obra de um autor
Pois se ele morreu, sua obra não terminou, acabou.
Não queiram senhores, exumá-lo, deixo descansar!
Poemas, cansamos de ler, e quase nunca, de escrever.
Andrié Silva
Enviado por Andrié Silva em 10/09/2006
Código do texto: T236728

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Andrié Keller ( baadermeinhofblues@hotmail.com ) Brasil - http://www.recantodasletras.com.br/autores/andrie). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Andrié Silva
Salvador - Bahia - Brasil, 27 anos
912 textos (98450 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 19:06)
Andrié Silva