Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Serenando o coração.

Quando permitimos que raivas e ódios se acomodem em nosso íntimo, abrimos brechas enormes para que as doenças da alma ali se instalem. Junto com estes sentimentos tão negativos vem o medo, a culpa, a solidão, a mágoa, o desamor. Nossos pensamentos são dominados por esta desarmonia, e muitas vezes, sem nos apercebermos acabamos por ficar doentes físicamente.
Não conseguimos ver e nem sentir as maravilhas que estão ao nosso derredor, pois nos encontramos mergulhados em trevas de dor e sofrimento provocados pelas emoções desordenadas, que nos permitimos cultivar, com a nossa falta de confiança em nós mesmo e com a revolta por não conseguirmos encontrar a serenidade que necessitamos para sermos felizes.
Quando buscarmos enternecer nosso coração, procurando compreender nossa incapacidade de aceitar o outro como ele é, de auxiliar nas suas dificuldades, de não mais se aborrecer com seus enganos e suas futilidades, de amá-lo e não odiá-lo, estaremos saindo da zona negativa que facilita de ali se instalarem todos os males, provocados pela nossa invigilância e a nossa incapacidade de amar verdadeiramente.
Não é fácil, é verdade, promever esta transformação, mas se nos aproximarmos mais de Deus, haveremos de conseguir alcançar a vitória sobre nossa imperfeição, sobre nossa pequenês.
Malene
Enviado por Malene em 27/09/2006
Reeditado em 28/09/2006
Código do texto: T251046
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Malene
Taquara - Rio Grande do Sul - Brasil
514 textos (34807 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 14:07)
Malene