Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O MEU DIA ...

Meu dia é teu
para ti meu verso
minha colheita
manjericão fresco
quero desviá-lo devagar
para que o perfume te alcance

para ti trabalho hoje
e é teu calor que sinto
quando o sol me abraça
é a tua frescura que me invade
quando a água fria
escorre no meu corpo

descalço, piso a terra
caminhando ao teu encontro
no poema

tudo que faço hoje
é em tua homenagem
para fazer eco ao teu sentir
que confessas com ternura
e simplicidade comovedoras

guarda esse segredo
porque o amor secreto
tem um sabor único
de bolo quente
comido escondido
com pressa
- sabor de perigo
Ângelo Gomes
Enviado por Ângelo Gomes em 02/10/2006
Código do texto: T254836
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Ângelo Gomes
Portugal, 64 anos
553 textos (7881 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 01:55)
Ângelo Gomes