Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

MENSAGEM AOS QUE ESCREVEM

Somos passageiros, como nuvens levadas ao vento; que se transformam em chuva, em lagos, rios e mares.

Nossos nomes, mesmo gravados em pedra e aço, um dia o tempo, o vento e a chuva irão apagar!

Mas, embora sejamos únicos, dentro somos muitos. E são esses tantos que nos habitam que nos fazem atravessar o tempo e resistir aos seus efeitos.

Faça com que os teus muitos sejam tantos e completos, que preencham os muitos que te cercam!

Paulo Sergio Medeiros Carneiro
Paulo Sergio Medeiros Carneiro
Enviado por Paulo Sergio Medeiros Carneiro em 08/10/2006
Código do texto: T259343
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Paulo Sergio Medeiros Carneiro
São Paulo - São Paulo - Brasil
63 textos (9678 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 06:44)
Paulo Sergio Medeiros Carneiro