Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Ah! como queria.

Se tanta tristeza coubesse
Em um peito só
Andaria só para trazer
Contigo a mais bela poesia.

Se tanta alegria fosse capaz
De mudar esse quadro triste
Essas bombas maléficas
O mundo inteiro seria carnaval.

Ah saudosas tardes de
Domingo,velhos tempos que não
voltam mais,que não voltam atrás.

Se soubesses o quanto lhe
Amava antes da explosão
Não teria ido tão cedo.

Mas cedo vão os grandes sábios
Cedo vai á poesia.
Tão cedo,que a alma se enche de lágrima.
Tão cedo,que nossas vidas ficam vazias.

Ah se tanta tristeza coubesse em um peito só!
Seria mais fácil !
Seria tão trágico quanto cômico, viver sem sentir dor.
Viver ainda que a vida fosse a espuma
Que se liqüefaz.

Poderíamos mudar o mundo,o sonho de todo
Mortal consciente.
Mudamos o mundo a toda hora
Pouco importa.
Mas o pouco que mudamos
Ainda é pouco

Ah! queria apenas que não chovesse
Bombas no mundo inteiro!
Mas dizem eles:
Nós só brindamos á liberdade,
O amor a paz, ainda que para tudo isso
Façamos guerras.



Hugo neto
Hugo Neto
Enviado por Hugo Neto em 13/10/2006
Código do texto: T263108
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Hugo Neto
Coronel Fabriciano - Minas Gerais - Brasil, 32 anos
37 textos (891 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 02:15)