Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Caleidoscópio VI

(Najah ÐL®)


Compreender os mecanismos da alma, desvendar as fantasias. Tentar o substrato da psique, das grades e dos id, its, egos e freios. Sinto uma atração alucinada. A mesma, do lado escuro, do marginal, típico dos que têm o sol em Touro. Louca e perigosa.
Sou capaz de mentir. Demoníaca. Faria qualquer coisa. Trago essa latência absoluta. Estranhos espaços da mente. Outra identidade embaixo do mesmo signo. Definida. Delírios e pactos. Delícias. Talvez me arrastasse num tapete. Talvez decorasse nome de árvores. Talvez queimasse todos os poemas. De novo. Não ligo. Nem telefono. Encontros furtivos. Cansaço. Involuntariamente penso em sexo. Lembranças. Talvez. Talvez. Talvez. Cada um sabe da própria loucura. Dane-se. Se me entendeu não defenda-se. Ou defenda-se. Seu direito. Não estou nem aí. Quero a secreta. A maior subversão antes da queda. O muro já era. Lao Tse e porcelanas da dinastia Ming. Partiram-se. Queria entender mas não tem importância. Odeio poetas. Inventam. Enganam. Mentem. O tempo todo. Queria saber perdoar. O que é isso? Campo magnético. Atração. Vou tomar um analgésico. Já sei que amanhã vai doer. Órgãos amputados doem. Reminiscências da memória. Vícios. Nada que vicia presta. Todo mundo gosta. Às vezes tenho medo. Todo dia é às vezes. Se descobrem quem é esse que chamo de antonio.  Repito: quero a secreta. Preciso descobrir aquela que ainda não conheço. Eu dentro do último ego. Matá-la. Sou filha única.
Najah DL
Enviado por Najah DL em 20/10/2006
Reeditado em 20/10/2006
Código do texto: T269185
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Najah DL
Uzbequistão
63 textos (13972 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 14:59)
Najah DL