Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Nada sei de mim...

Nada sei de mim...
Me perco em meus pensamentos e erros
Me atrevo a contestar algo que desconheço
Mas sigo em frente sem medo do desconhecido
Em minhas lamentações fico desfigurada
Em situações frustantes adormeço...
Ao abrir os olhos renasço pra uma vida nova
Tento esquecer o que passou
E seguir em frente sem sofrer
È muito fácil falar
È muito fácil escrever para os outros
O difícil é vivênciar e encarar e ver que não é bem assim
Temos limitações, não vivemos em um contos de fadas, as vezes escrevo resposta pra mim mesma, mas sei que não temos culpa se não conseguimos viver o que escrevemos.
Minha cabeça gira á mil por hora, preciso parar e refletir no que quero pra mim,na verdade nada sei de mim...

Fatima Weckwerth
Enviado por Fatima Weckwerth em 23/10/2006
Reeditado em 23/10/2006
Código do texto: T271682
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Fatima Weckwerth
São José dos Campos - São Paulo - Brasil
1133 textos (374247 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 14:43)
Fatima Weckwerth