Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Acerca do Remorso


Presumo que o remorso seja a âncora do ser humano. Tal peça psicológica que segura nossos piores instintos, analisa-os e condena-os. O remorso é o sentimento mais pragmático que possuímos. E é por meio dele que nos auto-avaliamos e nos auto-condenamos.

O remorso é um sentimento inevitável a uma pessoa saudável. Ele vem sem a nossa autorização e faz o papel de fiscalizador da nossa conduta. Ele tem suas regras. E que caso não sejam seguidas, podem massacrar a nossa carne. Alguns, não suportando tal sentimento, podem até cometer o suicídio. E é próximo disso que o remorso se torna uma patologia que deve ser tratada clinicamente.

No entanto, considero o remorso uma das maiores virtudes do gênero humano. Ora, o que seria de nossa existência sem o arrependimento? Seríamos seres insensíveis aos nossos erros e consequentemente ao próximo. Seríamos animais irracionais que não medem as suas condutas. E a sociedade certamente estaria destruída, ou nem tivesse existido qualquer estrutura social. Talvez nem existisse a humanidade nesse momento, estaríamos extintos pela nossa indiferença.

Pois bem, caríssimos, julgo, no íntimo do meu coração, que o remorso é a porta de entrada do perdão e por conseguinte do amor renovado entre as pessoas.



Todos os Direitos Reservados pelo Autor.
Fábio Pacheco
Enviado por Fábio Pacheco em 10/11/2006
Reeditado em 10/11/2006
Código do texto: T287678
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Fábio Pacheco
Recife - Pernambuco - Brasil
1095 textos (55953 leituras)
10 áudios (233 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 06:29)
Fábio Pacheco