Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

TERNURA

    Se fosse facil esquecer nao haveriam as lembrancas a invadir os pensamentos. A sensacao no peito de ainda querer o que se fora. Um coracao de amores breves, coracao inquieto, por sentimentos confusos. Os olhos nao ficariam marejados de lagrimas ao lembrar se. Os labios nao teriam um gosto gelido por ja nao ter os beijos, Beijos que me conduziam ao desejo de querer te. Nem haveriam os bracos vazios saldosos dos abracos que acalmavam me.
    Nesta lembranca a saudade a doer me, levando me de encontro aos meus sonhos.
    Conduzindo me a sentir sua falta. E saber que houvera um tempo que podiamos dividir nossas ilusoes, bailar pelas asas da imaginacao que seria para sempre. Tao breve, tao ternue, foram se os dias que compartilhamos nossos mundos. Que rabiscamos nossa historia nas paginas da vida. E nesta vida onde tudo passa, as vezes tao breve, que nos resta somente lembrar se. Lembrar se dos beijos roubados, dos amores infinitos, juras de amantes e uma recordacao a embalar a dor da ausensia. Recordacoes que invadem os pensamentos num momento qualquer nos projetando a um tempo de encontros, tempos de promessas. Fazendo nos desejar que os adeuses nao houvessem, para so assim nao sentir a alma solitaria.
                       CAMOMILLA^^^^^^^^
CAMOMILLA HASSAN
Enviado por CAMOMILLA HASSAN em 18/11/2006
Reeditado em 18/11/2006
Código do texto: T295099

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
CAMOMILLA HASSAN
Atibaia - São Paulo - Brasil, 36 anos
1308 textos (159157 leituras)
29 áudios (11795 audições)
5 e-livros (510 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 12:23)
CAMOMILLA HASSAN