Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

DIZIA-ME TANTAS COISAS


Não sei mais o que dizer
Não sei mais o que pensar
Dizia-me que eu era linda,
Dizia-me tantas coisas, que hoje não sei se devo acreditar,
Lembro do seu sorriso e do brilho dos meus olhos,
Lembro que mesmo nos meus estouros conseguia me acalmar.
Apesar de tudo que já tinha me feito passar, pensei que pelo menos a amizade poderia se salvar,
Mas para a minha tristeza até essa conseguiste abalar.
Mais uma vez a sua covardia falou mais alto,
Mais uma vez agiu pelas minhas costas.
Não me aceita como sou,
 Não aceita o que eu falo.
Sinto muito falo o que penso o que acho, o que vejo
Nem sei o que dizer,
Sempre acho que as pessoas podem mudar
São poucos os que aceitam a verdade, muitos preferem viver de mentira
Ferir quem um dia te fez mal é aceitável,
Mas ferir quem sempre te defendeu e desmoronar toda a credibilidade de achar que o ser humano possa melhorar
Nem sei o que dizer,
Nem sei o que pensar,
Nem sei mais no que acreditar
LU GALVÃO
LU GALVAO
Enviado por LU GALVAO em 19/05/2017
Código do texto: T6003400
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
LU GALVAO
Cidade Ocidental - Distrito Federal - Brasil
160 textos (783 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 26/06/17 12:52)
LU GALVAO