Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

E o dia foi...da Dah


 Eu sai de casa, com o seguinte pensamento:
 Hoje, eu vou ser a Nénar.

 Passei do portão, confiante no meu salto alto e na minha quase mini saia, que até que me deixava bem... Eu estava com aquela vontade de apenas ser aquela que só aparece no papel.
 Cheguei e escutei o que queria ouvir: Gostosa.
Foi ropio para um lado, giro para um outro até que fiquei tonta.
Mas ele estava lá para me segurar, e até me fazer rir com umas coisas idiotas.
 Quando dei por mim, ele estava correndo. Correndo para o banheiro, já passando mal.
Fiquei brava quando soube o motivo. Mas aquele brava que 5 minutos depois você já se acalma e o chama de idiota.
 Dancei feito louca. E parecia que tinha tudo para ficar só naquilo. Parecia.
Abraços, beijinhos, carícias, brincadeiras.

"Você gosta desse bobo?"
"Que pergunta idiota."

Ri, andei de mão dada, dançando forro descalça, tentando animar.
 Quando dei por mim, mais uma vez estava em cima do meu salto, mas dessa vez rumo a minha casa. Eram passos lentos com palavras vazias, que não faziam sentido nenhum...Bom...

 E novamente, naquele mesmo lugar, quase do mesmo jeito, escutei aquilo que queria ouvir..."Esperei por isso a tarde toda"
Não sei... quando dei por mim, já era tarde e longe demais...

Eu tinha me esquecido que a Dah Nénar se apaixona também...
Nenar
Enviado por Nenar em 04/09/2007
Código do texto: T638438

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Nenar
São Paulo - São Paulo - Brasil
37 textos (2629 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/10/17 16:48)
Nenar