Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

MÁRTIR...



Agora que a noite se finda
Agora se pode parar para analisar...
Será que resta solução ainda?
Há ainda como mitigar?!

Ou será já um caso abstruso e perdido,
Sentado numa estrada rotatória,
Observando o mundo sempre servindo,
Taças e mais taças duma acerba merencória?!

Mas, sem entender porque é tão difícil,
Abrir mão dos deletéreis e pífios vícios...
Se neste meio, só reina a destruição!
Ah! Se hovesse uma pequena...
Só uma singela e impetuosa falena,
Que entrasse na vida, desafiando a solidão!

Que chegasse chegando, esbanjando atitude...
Derrubando por terra, esta excruciante decrepitude...
Esta senilidade parasita do ser pueril!!!
Se pelo menos isso fosse dado por direito,
Não seria mais um eleito,
Ao cargo de mártir inverossímil!!!


deniks lowa
Enviado por deniks lowa em 10/09/2007
Reeditado em 04/12/2009
Código do texto: T646061
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
deniks lowa
Salvador - Bahia - Brasil, 35 anos
76 textos (1581 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/08/17 00:47)
deniks lowa