Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ESSÊNCIA 2

ESSÊNCIA 2


É só ver-te melíflua e ondulante,
Para todo o desejo volúvel e incontante,
Encontrar um sentido e espraiecer...
Ao fechar dos olhos para viver o momento,
Sentindo o influxo de um singelo encantamento,
E a vida suavimente inebriada pelo teu ser!

É quando o mundo ganha um veraz sentido,
É quando os miríficos sentimentos contidos,
Não se retem, e enlevan-se numa opípara explosão...
Devaneante com tamanho explendor,
Tudo exala o doce e olente aroma do amor,
Extasiada com tão capitosa e apraz emoção!

Lá no imo dos amantes brota um desejo,
De encontrar apenas um simples ensejo,
De poder galgar além das trivialidades...
Para junto ao teu sublime ser... Adejar!
Quem sabe seu abraço, se me é possível sonhar,
Ah! quem sabe a tão anelada liberdade!

Liberdade  de transpassar o torpor,
E guiado por este diáfano e indelével olor,
Transcender este sequioso mundo de utopia...
E, se ainda me é possível sonhar,
Porqur não fantasiar em te beijar?!
E viajar em teus braços, para um mundo de magias!!!

Mas, sucumbo quando passo para a realidae,
Em sua essência  de "piérides" da beldade,
Queima o incenso da Vênus estra e fascinante...
E eu, descendente da essência apolínea,
Trago dentro de mim esta atração capitosa e ignea,
Que me prende nesta orbe  poética e delirante!!!

deniks lowa
Enviado por deniks lowa em 12/09/2007
Reeditado em 04/12/2009
Código do texto: T649361
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
deniks lowa
Salvador - Bahia - Brasil, 35 anos
76 textos (1580 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/08/17 08:19)
deniks lowa