Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Estava ouvindo uma música que gosto desde a adolescência: "João e Maria".
E fiquei pensando numa frase que sempre acreditei: 
" E pela minha lei, a gente era obrigado a ser feiliz".

Na adolescência esse era o meu hino. O tempo passou, algumas desilusões aconteceram (é claro), mas essa frase me persegue e esse desejo não me deixa nunca. A cada dia  busco novos motivos para ser feliz.  Podem ser diversos, mas que me dêem prazer suficiente e me façam sempre sorrir.

Desilusões, decepções, saudades, tristezas, lutos, esses sempre existirão, mas enquanto estiver viva, não deixarei que me vençam. Procurando motivos para sorrir será difícil ter tempo para chorar...

Hoje, após mais de 20 anos talvez, continuo sorrindo para a vida e levantando a cada tombo, a cada decepção. Faz parte.

Na verdade, tô curtindo minha segunda adolescência, talvez não mais tão cheias de sonhos, mas de realidades possíveis que podem trazer-me felicidade.

Pedacinhos de felicidade juntos, podem nos trazer uma felicidade IMENSA.
TACIANA VALENÇA
Enviado por TACIANA VALENÇA em 15/09/2007
Reeditado em 15/09/2007
Código do texto: T653538

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
TACIANA VALENÇA
Recife - Pernambuco - Brasil
1969 textos (149545 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/10/17 11:05)
TACIANA VALENÇA

Site do Escritor