Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Máquinas

Seres humanos sem almas
Cada dia menos comunicação, menos afeto; já não presenciamos abraços, beijos, agradecimentos.
Não sei onde chegaremos, parece que todo nosso aprendizado, nossa cultura está no passado... sendo peça de museu.
Temos que resgatar nossas memórias;
Tentar nos fazer pessoas de novo, vivas, de carne.
Pois até então estamos vivendo como robôs. Tudo com horários, e no final não sobra o tempo para amar.
Máquinas passam anos sem precisar sentir-se amadas.
Seres humanos podem pensar como máquinas, mas não sobrevivem sem carinho...
Máquinaaas não amam, nem quando programadas!.
JULLY SILVA
Enviado por JULLY SILVA em 20/09/2007
Código do texto: T661038

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
JULLY SILVA
João Monlevade - Minas Gerais - Brasil
62 textos (2559 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/08/17 18:50)
JULLY SILVA