Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Pegadas!

A passos lentos
Rumo ao vento veloz
Sem direção
Perco-me na névoa de areia
Como um camelo no deserto
Ando sem saber onde chegar
A procura de um oásis
De abrigo na tempestade de areia
O sol escaldante em meu rosto pálido
Abate sobre mim a incerteza do amanhã
A espara do será!
Um talvez!
Quem sabe!
Sou o medo do agora
Na verdade do sempre!
Sou a pegada na arreia fofa
Que some com a temprestade da noite
Sou o tudo e nada de uma vida temporária
Sou um ser inferior que cumpre sua pena em Alma Cativa!



Claudia/11/11/05




lindamulher
Enviado por lindamulher em 11/11/2005
Código do texto: T70373
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Cláudia Aparecida Franco de Oliveira). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
lindamulher
Itirapina - São Paulo - Brasil, 57 anos
1582 textos (129591 leituras)
3 áudios (322 audições)
4 e-livros (303 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 16:31)
lindamulher