Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A vida é agora!

A gente se acostuma a medir a vida em dias, meses, anos...
Mas, será que é mesmo o tempo que mede a nossa vida?
Ou a gente devia contar a vida pelo número de sorrisos?
De abraços? De conquistas? Amores?
E, porque não fracassos também?
Por que ao invés de dizer tenho tantos anos, a gente não diz: tenho
três amigos, oito paixões, quatro tristezas, três grandes amores e dezenas de prazeres?
A gente vai vivendo e, às vezes, esquece que a vida não é o tempo que a gente passa nela.
Mas, o que a gente faz e sente em quanto o tempo vai passando.
Dizem que a vida é curta, mas isso não é verdade.
A vida é longa pra quem consegue viver pequenas felicidades.
E, essa tal felicidade vive aí disfarçada, como um criança traquina
brincando de esconde-esconde.
Infelizmente, às vezes não percebemos isso.
E passamos a nossa existência colecionando nãos.
A viagem que não fizemos;
O presente que não demos;
A festa a qual não fomos.
A vida é mais emocionante quando se é ator e não espectador.
Quando se é piloto e não passageiro; pássaro e não paisagem.
Como ela é feita de instantes não pode e não deve ser medida em dias ou meses mas, em minutos e segundos.
A vida é agora!
Ramaty
Enviado por Ramaty em 30/10/2007
Reeditado em 11/10/2008
Código do texto: T716555

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Ramaty
Campinas - São Paulo - Brasil
60 textos (8355 leituras)
3 e-livros (18406 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/10/17 23:01)
Ramaty