Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Metáfora das Lembranças

Nossas lembranças são como amoladores.
O bem-estar diário é como a faca.

Amoladores bons amolam corretamente, aumentando a eficiência da faca.
Amoladores ruins não amolam corretamente, mas serve para sabermos diferenciar os bons dos ruins, e, principalmente, nos incentivar a buscar novos e bons amoladores.

Lembranças ruins não devem nos escravizar, porém não devem ser esquecidas.
Elas servem para que, lá na frente, quando olharmos para trás, percebamos o quão fortes fomos para superá-las e chegarmos onde agora estamos.
Cláudio Theron
Enviado por Cláudio Theron em 09/11/2007
Reeditado em 10/11/2007
Código do texto: T730702

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Cláudio Theron
Fortaleza - Ceará - Brasil, 27 anos
294 textos (42897 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/08/17 02:08)