Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A alma sente...

Eu acredito que nascemos amando uma pessoa, não sabemos quem é, nossa alma sente, o destino na sua embriaguez nos coloca em dúvidas, trocando fichas, nos apresentado seres que com nossa falta de vivência passamos acreditar que estamos certos e em frente da pessoa que nos foi reservada.
Com o passar da vida, enxergamos que fomos enganados pelo destino, pois ele estava embriagado, e irresponsável, desacreditamos dele, mas logo ele nos coloca em frente do que sempre esperamos da vida, e perguntamos: Por que demorou tanto?
O amor, o esperado amor, o amor que sabe esperar, o amor sem posse, o amor que soma, o amor cúmplice total, o amor que ergue, o amor que fala a verdade, o amor que sente os pensamentos e desejos, o amor que mesmo longe nos dá felicidade, o amor que nós faz sentir as mesmas emoções de quando éramos meninas, o amor do sonho, o nosso príncipe... é verdade! A espera é com muita tranqüilidade, pois a alma sente a chegada e a unicidade total.

Nanci Cerqueira
Enviado por Nanci Cerqueira em 15/11/2007
Reeditado em 17/11/2007
Código do texto: T737852
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Nanci Cerqueira). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Nanci Cerqueira
Salvador - Bahia - Brasil, 59 anos
595 textos (24610 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/08/17 21:05)
Nanci Cerqueira