Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Tristeza.

Todos nós nascemos pra morrer uma hora ou outra , eu sou um cara triste  e sem alcance , a vida não é nada doce ,ninguém me expressa alegria , nasci mesmo pra chorar , pra me esconder do dia ;
Pra desabafar e inventar poesia é meu único consolo ;
Fantasiar é coisa de tolo e nem sempre dá certo a realidade é má ,(má) como um concreto jogado no ar ;
Por isso eu canto de vez em quando , Deus está me escutando ele é o único que existe , o mundo é mal ,  e eu sou um cara trite por um acaso banal  ;
Sou até pobre , pobre e cansado  , nada vale o tempo , nada é ninguém , e alguém não é tudo.
paulo manuel silva
Enviado por paulo manuel silva em 24/11/2007
Código do texto: T750488

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
paulo manuel silva
Belém - Pará - Brasil, 27 anos
367 textos (8919 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/10/17 18:16)
paulo manuel silva