Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Somente o tempo

Quantos sonhos,

quantos desejos,

quantas palavras jogadas ao vento, sem nenhuma segurança de uma aliança.


Dia e hora, coração suspirando desejando um encontro.


Tardes, noites, manhãs perdidas.


Somente ele - O TEMPO - pode apagar esta dor, ferida de morte

chamada desamor.



Amada Oliveira
Amada
Enviado por Amada em 16/01/2006
Código do texto: T99526
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Amada
Salvador - Bahia - Brasil, 43 anos
26 textos (1827 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 06:34)
Amada